Holly Holm - Perfil Oficial da Lutadora do UFC®
Holly
Holm
12-4-0( V-D-E )
Fight Night Bonuses: 2 Performance of the Night / 2 Fight of the Night

Histórico de Lutas

Comparação de habilidades

Gráficos são compilados s baseado nos resultados de 9 lutas.
Recorde: 12-4-0
Sumário: Condicionamento e kickboxing.

Informações do lutador

Apelido: The Preacher's Daughter
De: Albuquerque, Novo México EUA
Representando: Albuquerque, Novo México EUA
Idade: 36
Altura: 5' 8" ( 172 cm )
Peso: 145 kg ( 65 kg )
Reach 69"
Leg Reach 38"

Golpes

Tentativa total de golpes
0
1327
34% de sucesso
453
Total de golpes bem sucedidos
0
453
83% Em pé
12% de sucesso
376
53
24
Defesa de golpes
58
%
Porcentagem total de golpes evitados

Grappling

Total de quedas
0
19
32% de sucesso
6
Tipo de quedas bem sucedidas
 
 
{0}% Finalização
{0}% Passagens
{0}% Raspagens
1
9
0
Takedown defesa
78
%
Porcentagem total de quedas evitadas
Resultado Lutadores Evento G Q F P Método Reprise Awards
Win
Holly Holm
9 jun 2018
47
26
4
0
1
0
9
0
R3 Decision - Unanimous
Holly Holm
30 dez 2017
118
44
0
0
0
0
0
0
R5 Decision - Unanimous
Fight of the Night
Win
Holly Holm
17 jun 2017
25
15
0
0
0
0
0
0
R3 KO/TKO
Performance of the Night
Holly Holm
11 fev 2017
77
80
0
0
0
0
0
0
R5 Decision - Unanimous
Loss
Holly Holm
23 jul 2016
54
87
0
3
0
0
0
1
R5 Decision - Unanimous
Holly Holm
5 mar 2016
59
40
0
2
0
2
0
3
R5 Submission
Holly Holm
14 nov 2015
17
38
0
1
0
0
0
0
R2 KO/TKO
Performance of the Night
Fight of the Night
Win
Holly Holm
15 jul 2015
65
26
1
0
0
0
0
0
R3 Decision - Unanimous
Win
Holly Holm
28 fev 2015
40
44
0
0
0
0
0
0
R3 Decision - Split

Biografia

TREINAMENTO: É difícil descrever um típico dia de treino. Eu acho que nenhum deles é "típico". Cada dia apresenta seus desafios. A cada semana eu corro em cinco vezes, faço dois sparrings, treino luta agarrada duas ou três vezes, e faço wrestling duas vezes. Talvez um pouco de força e condicionamento dependendo do dia, e também manoplas três a quatro vezes na semana.

Quando e por que começou a treinar para lutar? Quando tinha 16 anos gostava de treinar kickboxing para queimar calorias. Fiz isso durante um ano e fiquei muito interessada ao ver os treinos de sparring na academia (Winkeljohn's Kickboxing). Comecei a fazer sparrings e pedi para o treinador me avisar quando eu estivesse pronta para competir. Treinei um pouco, fiz minha primeira luta com 18 anos e me apaixonei pelo esporte.

Quais cinturões e conquistas você já teve? Múltiplos títulos no boxe, fui ranqueada em primeiro lugar em várias organizações em tempos e categorias de peso diferentes.

Você tem algum herói? Meu heróis são minha família, amigos e parceiros de treino. Eu vejo o que eles conquistam e como influenciam outras pessoas. Eles os assisto e digo: "Quero fazer coisas grandiosas também. Quero poder também influenciar as pessoas de uma maneira positiva".

O que significa para você lutar no UFC? Eu não sei lidar com tanta emoção. Significa mais do que posso explicar. Sei que é o lugar certo, onde todos querem estar, então eu só quero fazer tudo direito. Não quero ser uma decepção. Quero ser excelente, quero conquistar coisas. Não quero apenas participar.

Você fez faculdade e, se sim, no que se formou? Um ano na Universidade do Novo México, mas não graduei. Mas tenho licença ativa para trabalhar no mercado imobiliário.

Qual era seu emprego antes de começar a lutar? Fui garçonete em vários restaurantes. Também trabalhei como assistente de quiroprata por alguns anos.

Alguma realização específica em competições amadoras? Ganhei um torneio nacional de kickboxing antes de virar profissional.

Alguma realização específica em competições profissionais? Diversos títulos no boxe, um título no MMA e alguns nocautes.

Técnica favorita de luta agarrada: Gosto de qualquer coisa que faça as pessoas bater em desistência.

Técnica favorita em pé: Qualquer coisa que nocauteie! (risos).
• Profissional desde 2011, em tempo integral no MMA desde 2013;

• Oito vitórias por nocaute, três por decisão;

• Cartel de 1-4 em suas últimas cinco lutas;

• Esteve no topo do ranking peso por peso do boxe durante boa parte da carreira;

• Tem vitórias no boxe sobre Christy Martin, Mia St. John, Jane Couch, Chevelle Hallback, Belinda Laracuente, Mary Jo Sanders, Anne Sophie Mathis e Diana Prazak;

• Se aposentou do boxe com um cartel 33-2-3 (9 KOs);

• Foi nomeada no Hall da Fama Internacional de Boxe Feminino em 2017;

• Origem do apelido: "Meu pai tem sido pastor da Igreja de Cristo por toda a minha vida".

Carreira

Mais lutadores