Joseph Duffy - Perfil Oficial do Lutador do UFC®
Joseph
Duffy
16-3-0( V-D-E )
Fight Night Bonuses: 1 Performance of the Night

Histórico de Lutas

Comparação de habilidades

Gráficos são compilados s baseado nos resultados de 6 lutas.
Recorde: 16-3-0
Sumário: Balanceado.

Informações do lutador

Apelido: Irish
De: Donegal Irlanda
Representando: Donegal Irlanda
Idade: 30
Altura: 5' 10" ( 177 cm )
Peso: 155 kg ( 70 kg )
Reach 73"
Leg Reach 41"

Golpes

Tentativa total de golpes
0
403
34% de sucesso
139
Total de golpes bem sucedidos
0
139
83% Em pé
115
12
12
Defesa de golpes
59
%
Porcentagem total de golpes evitados

Grappling

Total de quedas
0
2
100% de sucesso
2
Tipo de quedas bem sucedidas
 
 
{0}% Finalização
{0}% Passagens
{0}% Raspagens
3
4
1
Takedown defesa
71
%
Porcentagem total de quedas evitadas
Resultado Lutadores Evento G Q F P Método Reprise Awards
Loss
Joseph Duffy
4 nov 2017
42
25
0
2
0
0
0
0
R2 KO/TKO
Win
Joseph Duffy
18 mar 2017
51
28
0
2
0
0
2
0
R3 Decision - Unanimous
Win
Joseph Duffy
7 jul 2016
3
1
0
0
1
0
2
0
R1 Submission
Loss
Joseph Duffy
2 jan 2016
72
37
4
0
0
1
1
0
R3 Decision - Unanimous
Win
Joseph Duffy
18 jul 2015
8
7
0
0
1
0
0
0
R1 Submission
Performance of the Night
Win
Joseph Duffy
14 mar 2015
6
15
0
0
0
0
0
0
R1 KO/TKO

Biografia

A carreira de Joseph Duffy no UFC não tem sido longa, mas ele vem provando rapidamente que há mais a se esperar de lutadores irlandeses do que apenas Conor McGregor.

Em suas duas primeiras lutas no peso-leve desde que se juntou à organização em 2015, "Irish Joe" conseguiu duas vitórias no primeiro round - um nocaute sobre Jake Lindsey no UFC 185 (sua estreia) e um triângulo em Ivan Batman no UFC Fight Night Glasgow.

Na época, essas vitórias fizeram com que seu cartel no MMA ficasse em 14-1. Porém, há ainda mais para ser considerado: nove de suas vitórias na época foram por finalização, quatro por nocaute e, incrivelmente, 12 delas no primeiro round.

Além disso, ele também havia ganhado de Conor McGregor por finalização, em novembro de 2010.

O lutador, natural de Donegal, começou sua carreira profissional com 10 vitórias até conhecer sua primeira derrota - uma guilhotina aplicaca por Ivan Musardo no quarto round. Ele então, inexplicavelmente, parou de lutar no MMA.

"Acho que muitas pessoas ficaram confusas quando larguei o esporte", disse ao UFC.com. "Alguns atribuem à derrota. Eu só vi isso como uma oportunidade de me aprimorar como artista marcial, e foi uma experiência que senti como benéfica".

Duffy então se virou ao boxe, conquistando um cartel de 7-0 antes de algumas lesões diminuírem o ritmo de sua carreira, fazendo-o repensar em seu caminho no MMA.

A decisão de voltar ao esporte se mostrou sábia. Ele voltou em agosto de 2014, acabando com um hiato de 34 meses, e conseguiu vitórias no primeiro round com vitórias sobre Damien Lapilus e Julien Boussuge. Ele continuou firme em sua trajetória ao assinar contrato com o UFC e dando aos fãs irlandeses uma esperança de um novo campeão no futuro.

Duffy, atualmente com 29 anos, possui faixa preta em jiu-jítsu japonês e taekwondo e faixa azul em jiu-jítsu brasileiro. A trocação é sua maior arma, mas suas habilidades em finalizar os oponentes vêm se mostrando espetaculares. Contra Batman, em Glasgow, ele conseguiu reverter uma queda e dar números finais ao duelo com um triângulo.

No ritmo que Duffy vem se mostrando, podemos esperar muito mais dele.
TREINAMENTO: Um dia típico de treinos consiste em sessões pela manhã e outra pela tarde, trabalhando em todos os aspectos do MMA.

Quando e por que começou a treinar? Comecei em 1993. Desde criança sempre fui interessado em artes marciais, então começou ali.

Quais graduações você possui? Faixa preta em jiu-jítsu japonês, faixa azul em jiu-jítsu brasileiro, faixa preta em taekwondo.

Você tem algum herói? Georges St-Pierre, Wanderlei Silva e Mike Tyson.

O que significa para você lutar no UFC? Tenho trabalhado para isso desde que era adolescente. É uma honra enorme estar aqui.

Você fez faculdade e, se sim, no que se formou? Não.

Qual era o seu emprego antes de começar a lutar? Trabalhava na construção civil.

Técnica favorita de luta agarrada: Waki Gatami.

Técnica favorita na luta em pê: Uppercut com força.


• Profissional desde 2008;

• Dez vitórias por finalização (cinco mata-leões, quatro triângulos, um triângulo de mão), quatro por nocaute;

• 13 vitórias no primeiro round;

• Derrotou Conor McGregor por finalização com 38 segundos de luta em 27/11/2010;

• Finalizou Norman Parke no primeiro round em março de 2010;

• Vencedor de seis de sete lutas que fez, desde que voltou ao MMA em 2014, após um hiato de três anos na carreira;

• Cartel de 7-0 no boxe profissional.

Carreira

Mais lutadores