Stann espera um grande 2013 contra um grande adversário

"Agora, estou completamente focado em meus objetivos e no que eu quero realizar neste esporte. Em 2013 pretendo ter um grande ano." - Brian Stann
Brian Stann
O duelo entre Brian Stann e Wanderlei Silva será a luta principal do UFC no Japão neste sábado, e colocará frente-a-frente dois lutadores que têm a capacidade de acabar com a ação com um único soco. O ex-campeão dos meio-pesados do WEC é uma contra-golpeador poderoso que já fez adversários pagarem caro quando se tornam excessivamente agressivos. Então Wanderlei se encaixaria perfeitamente naquilo que Stann faz de melhor?      
  
"Se preparar para o Wanderlei agora é diferente do que teria sido alguns anos atrás", disse Stann. "Não dá mais para contar com aquela dele partindo para dentro a luta inteira. Acontecerão sequências, mas ele se tornou mais econômico com seus golpes. Ele se tornou um lutador muito mais inteligente e mais dimensional também. Ele acrescentou quedas em seu jogo e não acredito que ele virá pendulando e despejando agressividade. Eu acho que ele será muito mais paciente nessa luta."    
    
Stann está buscando fazer o caminho para o topo na divisão dos médios, porém o curso terá um ligeiro desvio no Japão, o combate com Wand será até 93 quilos. Será uma visita breve na velha e conhecida categoria, e Stann quer deixá-la o mais rápido possível.   
         
"Só estou voltando ao meio-pesado para este confronto com Wand, então retorno para os 84kg", disse Stann. "Eu queria lutar o mais breve possível. Joe Silva (Matchmaker do UFC) sabia disso, porém a maioria dos médios já tinham lutas ou estavam lesionados. Wanderlei queria fazer a luta principal do UFC no Japão e queria no meio-pesado. Ele não quer cortar peso e foi bom para mim. Não era um grande problema e aceitei a luta. Para mim, esta é realmente uma luta dos médios e nós apenas estamos concordando em não cortar o peso."      
  
Peso médio há dois anos, Stann alcançou um recorde de 4-2 desde então, e apesar de 2012 não ter sido do jeito que gostaria, serviu de motivação. A luta com Wand será a primeira de 2013, e uma vitória no Japão vai colocar as coisas no caminho certo. O ano passado foi repleto de compromissos fora do Octógono, mas agora que seu foco está voltado em sua totalidade para as lutas, Stann planeja ter um 2013 inesquecível.      
  
"Vai ser um diferente Brian Stann. Os fãs vão ver um Brian Stann muito mais perigoso em todos os aspectos do esporte. Eu vou estar mais focado. Tinha muita coisa acontecendo em 2012, que, infelizmente para minha carreira, foram mais importantes do que lutar. Esse assuntos precisavam da minha atenção. Felizmente para mim, tudo ficou resolvido em 2012. Agora, estou completamente focado em meus objetivos e no que eu quero realizar neste esporte. Em 2013 pretendo ter um grande ano."        


Watch Past Fights

Midia

Recente
Mark Hunt se tornou o primeiro lutador a nocautear Roy Nelson no Octógono. O atleta neozelandês analisa a luta e diz que espera lutar em quatro semanas no card em Sidney, Australia. Ative as legendas clicando em "cc".
20/09/2014
Miesha Tate derrotou a até então invicta japonesa Rin Nakai, por decisão unânime, e falou na entrevista pós-lutas que sua estratégia era usar a envergadura e ser agressiva. Ative as legendas clicando em "cc".
20/09/2014
Melhores momentos da coletiva de imprensa pós-lutas do Fight Night Japão.
20/09/2014
Assista à coletiva de imprensa pós-lutas ao vivo na sequência do evento.
15/09/2014