Evans sobre Jones-Machida: "Compreendo perfeitamente"

"Estou pedindo para os fãs me apoiarem enquanto recupero a minha mão, e prometo que voltarei a lutar rapidamente". - Rashad Evans
Com o anúncio de hoje do luta principal do UFC 140 entre o campeão Jon Jones e o desafiante Lyoto Machida, ex-campeão Rashad Evans será obrigado a esperar um pouco mais pela sua chance de recuperar o cinturão devido a uma lesão grave no polegar que o impediu de ficar pronto para 10 de dezembro.

"Depois da minha última luta contra Tito Ortiz, eu desloquei meu polegar direito, que precisava ser colocado de volta e mantido com pinos", disse Evans em um comunicado divulgado na quinta-feira. "24 horas atrás, o meu médico removeu os pinos. Naquele momento, eu soube que isso exigiria mais três semanas de reabilitação antes de voltar a fazer qualquer exercício ou treinamento que exigem o uso da minha mão".

"(Presidente do UFC) Dana White e eu nos falamos mais cedo hoje, e eu compreendo perfeitamente a sua decisão de colocar Machida contra Jones pelo título no UFC 140", continuou Evans, que ganhou três seguidas, derrotando Thiago Silva, Quinton Jackson, e Ortiz. "Dado o tempo de reabilitação que preciso, eu não estaria 100 por cento pronto até o dia 10 de dezembro. O UFC tem que continuar fazendo lutas para entreter os fãs. Eu teria feito a mesma coisa que o Dana fez em sua posição. Estou pedindo para os fãs me apoiarem enquanto recupero a minha mão, e prometo que voltarei a lutar rapidamente". 

Watch Past Fights

Midia

Recente
Assista à coletiva de imprensa pré-UFC Fight Night: Gustafsson vs. Johnson ao vivo na sexta, 23 de janeiro, às 11h.
23/01/2015
Lutador relembra época em que era campeão e fala sobre a superação em voltar a chutar com a perna quebrada. Anderson Silva enfrenta Nick Diaz no UFC 183, em 31 de janeiro.
23/01/2015
Lutadores se enfrentam em 31 de janeiro, em Las Vegas. Joe Rogan, comentarista oficial do UFC, explica que será a luta entre "um atleta com performances espetaculares" e um lutador "que não deixar o rival descansar".
21/01/2015
Falando sério, ex-campeão dos médios disse que irá torcer pela vitória do brasileiro no UFC 184, em 28 de fevereiro. Anderson Silva volta ao octógono no UFC 183, em 31 de janeiro, contra Nick Diaz. Assine o Canal Combate - http://on.ufc.com/assinecombate
23/01/2015