Lyoto: Focado em Henderson, não no futuro

"Embora ele seja um oponente duro, um cara que nunca foi nocauteado, eu tenho o que é preciso para nocautea-lo." - Lyoto Machida
UFC light heavyweight Lyoto Machida
Lyoto Machida, o ex-campeão dos meio-pesados do UFC está a um dia de enfrentar Dan Henderson, o único homem a deter dois cinturões em duas categorias simultaneamente em uma grande organização, e o primeiro a manter um lugar no Hall da Fama se houvesse título para isto. É uma luta perigosa, que Lyoto vem se preparando diligentemente  com seu time,  treinadores e parceiros de treino nas instalações da Black House em Los Angeles.  
  
"Dan Henderson é um grande campeão; ele fez muito pelo esporte, e tem grande importância, então é difícil falar sobre o que vem depois antes desta luta acontecer", Lyoto diz. "É difícil dizer, a luta nem aconteceu ainda".  
  
No sábado à noite, os dois destaques dos meio-pesados entrarão na jaula juntos na co-luta principal do UFC 157, um emparelhamento que aconteceu como resultado de um ano caótico no ranking dos 93 kgs.  
   
No começo de agosto, Lyoto nocauteou Ryan Bader, levando Dana White a anunciar o ex-campeão como desafiante n.1, o homem que enfrentaria o vencedor da luta entre Dan Henderson e o campeão Jon Jones.  
  
Uma lesão no joelho, uma decisão de recusar uma luta com pouca antecedência contra um homem perigoso, um evento cancelado, e seis meses depois, aqui estamos, na véspera do que deveria ter sido uma magnífica partida física de xadrez entre dois talentos, e estamos fixados no que vem em seguida, levando Lyoto a um refrão familiar.  
  
"Eu respeito muito Dan Henderson, e é uma luta muito dura. Não tem porque ficar falando sobre o que vem depois antes de lutar com ele."  
  
Felizmente, Lyoto estava um pouco mais aberto em sua disposição para discutir o que seu oponente irá trazer para a jaula no sábado a noite, e como sairá vitorioso da co-luta principal. Claro, "um pouco mais aberto" para alguém tradicionalmente reservado com seus pensamentos aos 34 anos de idade, o brasileiro lhe dá somente 3% de uma resposta se a mesma fosse perguntada à Chael Patrick Sonnen.  
  
"Acho que Henderson é um lutador duro", Lyoto começou sobre seu oponente no Countdown do UFC para este evento. "Ele é um cara com quadris fortes, mas não usa muito seu wrestling. Seu jogo no chão é bem defensivo. Ele tem uma boa trocação e boas quedas. Ele consegue sair de situações ruins. Espero que ele venha bem preparado, e os fãs podem esperar uma luta entre dois caras que realmente querem dar o próximo passo em suas carreiras. Embora ele seja um oponente duro, um cara que nunca foi nocauteado, eu tenho o que é preciso para nocautea-lo."  
  
Este combate tem implicações óbvias ao título, com Henderson e Lyoto como nº 1 e nº 2 respectivamente na última edição do ranking do UFC.  

No começo do mês, o ex-campeão compartilhou que acredita que o vencedor desta luta será o próximo desafiante ao título.  
  
"Não quero falar muito disto, não estou preocupado com isto", Lyoto respondeu, fechando a porta para perguntas sobre o futuro, finalizando com um refrão familiar. "É difícil falar sobre isso antes da luta acontecer."  

Watch Past Fights

Domingo, Fevereiro 19
21H30
BRST
Halifax, Canadá

Midia

Recente
UFC Fight Night weigh-in at the World Trade Convention Centre on February 18, 2017 in Halifax, Nova Scotia, Canada. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)
18/02/2017
A partir das 18h55, assista Ao Vivo à pesagem de todos os lutadores do UFC Halifax, evento que acontece nesse domingo (19).
18/02/2017
Watch the Fight Night Halifax Q&A, featuring Michael Chiesa and Sergio Pettis, live on Saturday, Feb. 18 at 3pm/12pm ETPT.
18/02/2017
Relembre vitória por nocaute no 1º de Derrick Lewis sobre o brasileiro Gabriel 'Napão' no UFC Zagreb, em 2016. Lewis volta ao octógono no próximo domingo (19) para enfrentar Travis Browne na luta principal do UFC Halifax, no Canadá.
14/02/2017