UFC 159: Jones iguala recorde com um TKO sobre Sonnen

Leia sobre o resultado da luta principal.
NEWARK, 27 de abril - Chael Sonnen falou bastante antes da luta principal do UFC 159 contra Jon Jones no Prudential Center na noite de sábado, mas foi Jones que deu as cartas quando a campainha tocou, defendendo seu título dos meio-pesados do UFC pela quinta vez com um TKO no primeiro round.

"Passamos por muito drama e isso me motivou muito", disse Jones, que empatou o recorde de Tito Ortiz no UFC para defesas de título até 93 quilos.

Ele conseguiu tudo isso com o dedão do pé esquerdo quebrado. E Sonnen reconheceu a superioridade do campeão de 25 anos de idade.

"Ele é um excelente lutador", disse Sonnen. "Quando ele foi para acabar com tudo, ele não parou mais. Acho que ele foi o melhor lutador. Estou desapontado. Achei que tivesse mais [para apresentar]."

O ex-duas vezes desafiante ao título dos médios também disse que ele provavelmente tenha atuado na sua luta final.

"Eu acredito que foi, provavelmente, a minha última oportunidade", disse Sonnen, 26 anos.

No entanto, apesar desse anúncio, a noite foi do nativo de Endicott, Nova York, Jones, que esteve no controle do início ao fim.

Jones começou provando que Sonnen não era o melhor wrestler ali, derrubando o desafiante. Sonnen levantou e os dois trocaram socos no interior antes de Jones pressionar contra as grades e conseguir uma segunda queda. Sonnen levou alguns golpes antes de se levantar novamente, mas Jones mantinha a pressão. A batalha foi aquecendo enquanto os dois permaneciam clinchados, Sonnen tentou desferir seus socos, mas Jones não permitia as coisas passarem disso, lançando mais golpes e derrubando pela terceira vez. Daí em diante Sonnen não iria voltar em pé, o campeão desencadeou uma enxurrada de socos e cotoveladas no rosto e levou árbitro Keith Peterson foi forçado a parar a luta em 4:33 do primeiro round.  Com a vitória, Jones alcançou 18-1; Sonnen caiu para 28-13-1.

Midia

Recente
Atletas fazem a luta principal do UFC Oklahoma, neste domingo, mas já estão se provocando há um bom tempo. Veja como tudo aconteceu.
22/06/2017
Relembre vitória por finalização de Michael Chiesa sobre Jim Miller, em 2015. Chiesa volta ao octógono no próximo domingo (25) para enfrentar Kevin Lee na luta principal do UFC Oklahoma.
16/06/2017
Relembre vitória por decisão unânime de Kevin Lee sobre James Moontasri no UFC San Diego, em 2015. Lee volta ao octógono no próximo domingo (25) para enfrentar Michael Chiesa na luta principal do UFC Oklahoma.
17/06/2017
Brasileira enfrentará Megan Anderson pelo cinturão linear da categoria feminina dos penas no UFC 214, dia 29 de junho, em Anaheim, nos Estados Unidos
19/06/2017