Brasileiros vão bem nas preliminares em Barueri

Atletas estreantes na organização surpreendem no UFC Fight Night no Combate
Nuguette com chute plasticoO card preliminar trouxe bastante emoção no ginásio em Barueri, São Paulo, nesta quarta-feira. E, na maioria das disputas preliminares do UFC Fight Night no Combate – Maia x Shields, os atletas brasileiros fizeram bonito.

Estreante na organização, Alan “Nuguette” Patrick não temeu o também estreante em UFCs Garett Whiteley. Apesar das habilidades no jiu-jitsu, Nuguette conectou sua mão pesada para chegar ao nocaute aos 3min54s do round inicial. Com o triunfo, Nuguette mantém o cartel invicto, com 11 vitórias, além de tirar a invencibilidade do adversário.

“Era um menino de rua e hoje estou aqui no melhor palco. Não tenho como falar o que sinto”, festejou.

Na sequência, foi a vez de Iliarde Santos tentar o primeiro resultado positivo no UFC contra Chris Cariaso. Mas o americano estava disposto a atrapalhar os planos do brasileiro entre os pesos moscas. Apesar de ter levado sufoco na primeira parcial, quando caiu por baixo no solo e sofreu ataques perigosos, Cariaso voltou melhor no segundo round, atacou bem no ground and pound e abafou o brasileiro na trocação. Exausto, Iliarde não apresentou mais defesas e o árbitro separou tudo aos 4min31s. Com o resultado, Chris se recupera de duas derrotas, enquanto o brazuca amarga o terceiro revés no UFC e fica em situação complicada na organização.

Em sua estreia pelo Ultimate, Yan Cabral tratou de usar a sua principal habilidade contra David Mitchell: a luta de chão. O faixa-preta de jiu-jitsu dominou no solo nos três rounds, com boas quedas e pegadas de costas, sempre em busca dos estrangulamentos. Mas foi na trocação seu melhor momento. Na segunda parcial, conectou um cruzado certeiro que derrubou Mitchell. No final, o triunfoTrocacao franca entre os pesos mosca foi para Yan por decisão unânime dos jurados.

“Estou muito feliz por essa oportunidade. Só Deus sabe o que passei para ter essa chance, o tempo longe da família... Agradeço muito a toda a minha equipe”, declarou o ex-participante do The Ultimate Fighter Brasil 2, que se mantém invicto no MMA com 11 vitórias, dez delas por finalização.  

Na preliminar derradeira, foi a vez de outro estreante na organização, Igor Araújo. Mais um especialista em jiu-jitsu, representante de um dos times mais tradicionais, a Gracie Barra, Igor surpreendeu o experiente Ildemar Marajó, que vinha numa série de nove vitórias, duas delas no UFC. Apesar de sofrer algumas quedas, Igor conseguia reverter as posições, ficar por cima e trabalhar bem no solo. Esta pequena diferença garantiu a decisão unânime a seu favor numa das lutas menos movimentadas.

Resultado das preliminares:
Igor Araújo venceu Ildemar Marajó por decisão unânime
Yan Cabral venceu David Mitchell por decisão unânime
Chris Cariaso venceu Iliarde Santos por TKO aos 4min31s do R2
Alan Nuguette venceu Garett Whiteley por TKO aos 3min54s do R1 
Sexta-feira, Dezembro 9
20H45
Albany, Nova York

Midia

Recente
Donald Cerrone termina o seu camp de treinamento e se prepara para uma mudança de temperatura. Anthony Pettis e seu equipe analisam o adversário Max Holloway, que faz um passeio noturno até Niagara Falls. Já Matt Brown leva o seu filho para a academia.
07/12/2016
Relembre momentos marcantes de algumas das estrelas do evento que acontece nesse sábado (10), no Canadá.
Matt Brown ajusta os últimos detalhes nos treinamentos, enquanto Donald Cerrone leva a sua equipe para uma pescaria. Max Holloway promove a sua disputa de cinturão em Los Angeles, e Anthony Pettis é recompensando com um saboroso bife.
06/12/2016
Relembre vitória por decisão unânime de Max Holloway sobre Ricardo Lamas no UFC 199, em junho de 2016. Holloway faz duelo pelo cinturão interino dos penas no próximo sábado (10), contra Anthony Pettis, na luta principal do UFC 206.
30/11/2016