Lyoto e Shogun nocauteiam, mas o Dragão é mais impressionante e será o próximo desafiante

Tudo que aconteceu no UFC: Shogun vs. Vera
Um show de lutas brindou os fãs do UFC neste sábado, no evento Rua vs Vera, em Los Angeles. Nas quatro lutas do card principal três nocautes e uma finalização, com emoções de sobra. Tarefa difícil neste evento deve ter sido definir os bônus de melhor luta, nocaute e finalização.

No combate principal, que poderia assegurar a chance pelo cinturão da categoria meio-pesado, Shogun Rua teve mais trabalho do que muitos imaginavam contra Brandon Vera. O brasileiro buscou as quedas no primeiro round, chegou a pegar as costas, mas sofreu aperto com uma guilhotina de Vera. No segundo assalto, Shogun mudou um pouco o estilo e conectou os melhores golpes na trocação, o que seguiu fazendo na terceira parcial, até sofrer uma dura sequência do oponente. Com os dois lutadores aparentemente bem cansados – aliás, Shogun parecia estar cansado já no segundo assalto -, tudo indicava que o desafio iria para a decisão dos jurados. Foi aí que Shogun abriu caminho com um justo upper, seguiu socando, inclusive quando Vera já estava ao chão. O árbitro Herb Dean interrompeu aos 4min9s.

“Obrigado caras, minha motivação maior são os meus fãs. Ele é um ótimo lutador, mas, desculpa pessoal, acho que não dei o meu melhor hoje. Vou provar que posso vir melhor. Consegui a vitória, este é o meu grande objetivo, mas me cansei um pouco e não deveria”, comentou Shogun, ainda no Octógono.

Também com a expectativa de ser escolhido para disputar o cinturão de meio-pesados, Lyoto Machida teve uma atuação de gala. Apesar do primeiro round mais estudado, dominou o centro do tablado e conectou bom chute em Ryan Bader. Na segunda etapa, o americano partiu para cima, mas sofreu um certeiro soco de contragolpe, a maior especialidade de Machida. O resultado foi o nocaute, a 1min32s.

“Me sinto muito bem, foi uma grande apresentação. Queria dizer que o dragão está de volta!”, comemorou Lyoto.

Ainda no card principal, duas lutas emocionantes agitaram o público em LA. Em um combate cheio de reviravoltas, Joe Lauzon usou uma das suas principais habilidades e finalizou o ex-campeão do WEC Jamie Varner com um triângulo, no terceiro round. Já Mike Swick, que saia do estaleiro, afastado desde junho de 2010, conseguiu um belo nocaute contra DaMarques Johnson, no segundo assalto.  

Primeiro brasileiro em ação no Octógono, Rani Yahya fez valer o forte jiu-jitsu para vencer Josh Grispi. O faixa-preta, campeão de torneios de grappling como o ADCC, dominou no solo e encaixou um estrangulamento da imobilização norte-sul, aos 3min50s do primeiro round. Rani se recupera da derrota contra Chad Mendes, no UFC 133, enquanto Grispi amarga a terceira derrota seguida. Josh vinha numa série de dez vitórias, quatro delas no WEC, mas ainda não conseguiu repetir seus feitos no UFC.

Já o estreante Wagner Caldeirão não teve muita sorte . Vinha com boa postura contra Phil Davis, encurralando na luta em pé, onde já conseguiu sete nocautes em oito apresentações. Uma dedada involuntária de Davis acabou encerrando o combate. Após a avaliação médica, a disputa foi encerrada. Caldeirão, com a vista direita bem avariada, explodiu: “Quero lutar!”. Mas a decisão final foi no contest.

Confira todos os resultados:    
UFC: Shogun vs. Vera
Los Angeles, Califórnia
Sábado, 4 de agosto de 2012
Maurício Shogun venceu Brandon Vera por TKO aos 4min9s do R4
Lyoto Machida venceu Ryan Bader por KO a 1min32s do R2
Joe Lauzon finalizou Jamie Varner com um triângulo aos 2min34s do R3
Mike Swick venceu Damarques Johnson por TKO a 1min20s do R2
Nam Phan venceu Cole Miller por decisão dividida dos juízes
Wagner Caldeirão e Phil Davis terminou em No Contest
Rani Yahya finalizou Josh Grispi comum estrangulamento norte sul aos 3min50s do R1
Phil de Fries finalizou Oli Thompson com um mata-leão aos 4min16s do R2
Manny Gamburyan venceu Michihiro Omigawa por decisão unânime
John Moraga venceu Ulysses Gomes por KO aos 3 min 46s do R1
Sábado, Outubro 25
23h
ETPT
Rio de Janeiro, Brazil

Midia

Recente
Completar aqui
17/10/2014
Atleta enfrenta o brasileiro Maurício Shogun no UFC Uberlândia, em 8 de novembro. Ele conta como começou a treinar com o adversário responsável pela sua única derrota no MMA. *Ingressos para o UFC Uberlânida - on.ufc.com/ingressouberlandia
19/10/2014
Vea a Scott Jorgensen enfrantarse a Wilson Ries en UFC 179.
15/10/2015
A aguardada revanche entre o campeão José Aldo e o desafiante Chad Mendes, nos penas, e a luta explosiva entre Glover Teixeira e Phil Davis. Confira depoimentos, opiniões de especialistas e cenas de outros combates.
17/10/2014