Belfort: Coragem, glória e a melhor parte de sua vida

"Não será muito bom para ele", Belfort disse. "Ele vai enfrentar águas profundas. Estou pronto para lutar 25 minutos. É divertido (para mim). Não será divertido para Bisping." - Vítor Belfort
UFC middleweight Vitor Belfort"E - agora estamos tão perto da luta - eu direi também que ele tem o coração de uma galinha. Ele é um bully profissional, se você deixar ele fazer o que quiser, ele acaba com você rápido, mas se você reagir e o deixar cansado, ele baixa a bola e faz praticamente nada." - Bisping para o Yahoo Sports sobre Belfort.

As sementes da grandeza foram plantadas com 19 anos, quando Belfort precisou de 77 segundos para despachar Tra Telligman na sua estreia no UFC há 16 anos e 214 eventos atrás. Ele foi campeão nos 93 kgs e foi o vencedor de um torneio peso pesado do UFC 12. Ainda procurando desabrochar por completo, Belfort (21-10 no MMA, 10-6 no UFC) estrelará o UFC São Paulo no sábado quando enfrenta Michael Bisping (24-4 no MMA, 13-4 no UFC) no Brasil.
É um regresso glorioso para sua casa, um que será lustrado e polido se Belfort conseguir estragar a chance pendente de Bisping contra Anderson Silva pelo título dos médios. O Fenômeno está absorvendo golpes altos e baixos. Bisping alfinetou seu adversário quando escrevia para uma coluna do Yahoo! Sports, mas pressionado por uma resposta, Belfort não mordeu a isca.

"Não me interessa o que ele diz ou pensa de mim", disse Befort. "Não muda nada e não me afeta de jeito nenhum. Eu não to nem aí, não vou entreter a conversa dele. É isso."

Em 31 lutas de MMA, Belfort terminou 15 no primeiro round. Metade de suas derrotas ocorreram depois de lutarem os 3 rounds, com seu último revez sendo uma finalização para o campeão dos meio-pesados do UFC Jon Jones no quarto round. Bisping avisou que Belfort tem não mais do que dois rounds para ganhar a luta, ou ele faria sua vida miserável.

Parte dos problemas de energia de Belfort vem pelo fato de treinar muito e não treinar o condicionamento físico. No passado, ele deixou de lado seus parceiros de sparring tão rápido, que poucos queriam se comprometer. Isto mudou gradualmente quando Belfort  começou a trabalhar com a Blackzilians no sul da Flórida.

"Qualquer hora que você lutar com Michael Bisping, condicionamento físico é um problema, porque Michael Bisping não fica cansado", disse Mike Dolce preparador de Vítor. "É para isso que Vitor vem treinando. Ele está treinando para uma luta de 25 minutos. O condicionamento físico de Vitor está excelente. "Ele nunca esteve tão leve no CT, o que mostra o quanto a sério ele está levando Bisping."

Belfort está no seu melhor lugar, lutando somente pelo amor ao esporte e não só pelos negócios. Ele não está olhando adiante, nem mesmo para a oportunidade de acabar com a chance de Bisping ao ouro. "Esta é uma pergunta que eu não posso responder", ele disse. "Não sou um promoter, sou um lutador. E meu trabalho é lutar."

O trabalho está feito com a coragem de não revidar. O próximo é Bisping com a permissão de soltar o guerreiro dentro dele.

"Não será muito bom para ele", Belfort disse. "Ele vai enfrentar águas profundas. Estou pronto para lutar 25 minutos. É divertido (para mim). Não será divertido para Bisping."

 




Watch Past Fights

Sábado, Outubro 1
20H20
BRST
Portland, Oregon

Midia

Recente
Relembre vitória de Alex Cowboy sobre KJ Noons por finalização no 1º round do UFC Goiânia, em maio de 2015. O brasileiro volta ao octógono no próximo sábado (1) para enfrentar Will Brooks na segunda luta mais importante do UFC Portland.
18/06/2015
Alex "Cowboy" Oliveira emplacou o seu primeiro nocaute no UFC ao derrotar Piotr Hallman em novembro de 2015, no UFC São Paulo. O brasileiro volta ao octógono no próximo sábado (1) para enfrentar Will Brooks na 2ª luta mais importante do UFC Portland.
27/09/2016
Brasileira deu mais um show no octógono ao nocautear a sueca Lina Lansberg no segundo round da luta principal do UFC Brasília, no último sábado (24). Relembre os melhores momentos do duelo.
Relembre vitória por finalização no primeiro round de John Lineker sobre Francisco Rivera no UFC 191, em 2015. O brasileiro encara John Dodson na luta principal do UFC Portland, no próximo sábado (1).
23/09/2016