Aldo chega em Vegas confiante, diz que fica com título e nega aposentadoria

Brasileiro diz que noite perfeita do UFC 194 terminará com nocaute ou finalização
O campeão José Aldo costuma ser tímido e contido por onde passa, mas desembarcou diferente na manhã desta terça-feira em Las Vegas. O brasileiro estava sorridente e conversando com todos o que o abordavam e repetindo sempre o mesmo discurso: "o cinturão não vai sair do Brasil".
O Rei humilde | Curiosidades sobre Aldo | Curiosidades sobre McGregor | Aldo: "Ele vai dormir" | UFC 194 em números

Mostrando muita confiança, Aldo conversava com seus treinadores sobre estratégia de luta e brincava com quem perguntava que o confronto contra Conor McGregor neste sábado pelo UFC 194 iria durar apenas um round. Na hora das entrevistas, ele fez questão de explicar o que seria sua luta "perfeita".

"Se a luta ficar em pé, vou nocautear. Se ele for para o chão, vou finalizar. Essa será a noite perfeita, eu vou ganhar!".

Sem lutar deste outubro de 2014, quando venceu Chad Mendes, Aldo confessou que está ansioso para voltar ao octógono. Ainda mais porque sábado será a sua estreia na tradicional arena do MGM Grand.

"A gente fica ansioso, querendo que chegue logo o dia. Me sinto em casa em Las Vegas, foi aqui que ganhei o cinturão do WEC e também já lutei pelo UFC, mas será a primeira vez no MGM".

Última luta?
Alguns treinadores de José Aldo chegaram a especular que ele iria se aposentar depois da luta deste sábado, independente do resultado. Questionado, o brasileiro deu risada e fez questão de negar que irá pendurar as luvas.

"Essa não vai ser minha última luta, acho que ainda tenho outros adversários para enfrentar", disse ele.

Vale lembrar que Aldo e seu treinador André Pederneiras já cogitaram subir de categoria, para os leves. Quem sabe o brasileiro não vence sábado e vai em busca de novos desafios em outra divisão de peso?

Midia

Recente
Mascarados, fantasiados e com os rostos pintados. Os nossos lutadores também têm o seu momento de folião. Relembre algumas das encaradas que podem muito bem servir com inspiração para esse Carnaval.
24/02/2017
Relembre vitória por decisão unânime de Stephen Thompson sobre Rory MacDonald no UFC Ottawa, em 2016. Thompson volta ao octógono em revanche pelo cinturão dos meio-médios contra o campeão Tyron Woodley, no dia 4 de março, no UFC 209.
20/02/2017
Relembre o primeiro duelo entre o campeão Tyron Woodley e Stephen Thompson, que terminou com empate majoritário. Os lutadores fazem revanche pelo cinturão dos meio-médios em 4 de março, no UFC 209.
20/02/2017
Relembre vitória por nocaute do campeão Tyron Woodley sobre Josh Koscheck no UFC 167, em 2013. Woodley defende o cinturão dos meio-médios em revanche contra Stephen Thompson no dia 4 de março, no UFC 209.
24/02/2017