Com bom humor, Nelson comenta opção de finalizar Jouban: "Ele é modelo"

Islandês venceu na luta co-principal do UFC Londres, no último sábado

Exercendo seu favoritismo, o islandês Gunnar Nelson passou por Alan Jouban na luta co-principal do UFC Londres, no último sábado, conquistando sua segunda vitória consecutiva no octógono e se firmando no Top 10 da divisão dos meio-médios.

O desfecho do combate, no entanto, foi o que chamou a atenção. Após atordoar Jouban com dois duros golpes, Nelson optou por buscar uma finalização, mesmo quando parecia que mais um ou dois golpes já seriam suficientes para a interrupção do árbitro.

Mais UFC Londres: Pickett lamenta derrota em despedida | Pontos de discussão | "Está na hora do cinturão", diz Manuwa | Manuwa vence Anderson no 1º round | Confira os resultados | Bodão agradece apoio | Qual foi a melhor luta do UFC Londres?

Em entrevista coletiva após o evento, o islandês falou com bom humor sobre a preferência pela luta agarrada ao invés de continuar desferindo socos no rosto do adversário.

“Era a abertura mais óbvia para mim. Eu achei que a forma que se desenrolou foi a mais clínica, na verdade, em vez de correr pra cima dele e jogar um monte de golpes para conseguir o nocaute. Ele já estava acabado. Não havia necessidade de dar mais socos na cara. Ele também é um cara bonito. Ele é modelo. Não precisava bater”, disse Nelson, citando a segunda ocupação do adversário, que, além de lutar, trabalha também como modelo fotográfico.

Watch Past Fights

Midia

Recente
O desafiante ao cinturão dos meio-pesados Volkan Oezdemir mostrou que sabe muito sobre o Brasil e seus ídolos, e não só no MMA. O suíço também analisou o duelo contra o campeão Daniel Cormier e prometeu voltar do UFC 220 com o cinturão na bagagem.
16/01/2018
Stipe Miocic encerra seu camp em Ohio. Volkan Oezdemir treina na academia com parceiros de alto calibre. Daniel Cormier revela a sua preparação mental para voltar ao octógono. E Francis Ngannou chega a Nova York...
16/01/2018
Entre na vida das estrelas do UFC 220 em preparação para duas disputas de cinturão: o campeão dos pesos-pesados Stipe Miocic e o striker devastador Francis Ngannou; e também o campeão dos meio-pesados Daniel Cormier e o nocauteador suíço Volkan Oezdemir.
16/01/2018
Dois títulos do UFC estarão jogo quando o octógono retornar a Boston com a edição UFC 220: Miocic x Ngannou. Stipe Miocic tentará quebrar o recorde de defesas de cinturão entre os pesos-pesados quando ficar frente a frente com Francis Ngannou.
15/01/2018