Lesnar fora do UFC 131; Carwin encara Cigano

Carwin substitui Lesnar contra Cigano no dia 11 de junho
Depois de lutar contra um severo ataque de diverticulite em 2009 para voltar e defender com sucesso seu título dos pesados do UFC diante de Shane Carwin em julho passado, antes de perder o cinturão para Cain Velasquez, Brock Lesnar foi forçado a sair na luta principal do UFC 131 contra Junior Cigano depois de ser acometido, mais uma vez, pela doença intestinal.  
  
Lesnar e o presidente do UFC Dana White revelaram a notícia em uma teleconferência com a imprensa ontem, quinta-feira.  
  
"O ex-campeão dos pesados do UFC Brock Lesnar tem diverticulite novamente", disse White. "Ele passou todo o dia de ontem na Clínica Mayo, e foi submetido a vários exames. A coisa o atacou novamente, e Brock tem sérias escolhas a fazer nas próximas semanas sobre a possibilidade de lutar contra isso ou passar por uma cirurgia".   
  
"Quero agradecer ao UFC e ao White, e eu quero me desculpar com Junior dos Cigano e a Spike TV", disse Lesnar. "Esta é uma situação infeliz para mim. Eu consegui ficar bem a cerca de dois anos após a diverticulite sem uma cirurgia. Mas diverticulite é uma doença que nunca vai embora. É algo que eu lidei desde primeira vez e tenho luta contra isso. Eu tenho sido capaz de mantê-la a um ponto onde é tolerável, e fui capaz de passar por dois períodos de treinamentos. Tenho lidado com alguns sintomas ao longo dos últimos três meses, e durante o decorrer deste treino, senti outra infecção e fiz uma tomografia computadorizada no meu estômago, onde era visível que estava inflado. Isso não me permitia treinar com plena capacidade, e eu fui forçado a tomar uma decisão de voltar ao médico esta semana para descobrir como estava. Não é tão grave como da última vez. Ela simplesmente não me permite treinar a maneira que eu precisava treinar para uma luta como essa. Eu fui forçado tomar uma decisão, que é ter a cirurgia ou lidar com isso pelo resto da minha vida. Então, eu estou lutando uma luta diferente aqui. Foi uma decisão difícil (sair da luta), eu estou abalado com isso, mas não há nada que eu possa fazer".   
  
O substituto de Lesnar para enfrentar Cigano no dia 11 de junho em Vancouver, British Columbia, no Canadá será Carwin, o ex-campeão interino dos pesos pesados do UFC. Carwin foi originalmente escalado para enfrentar Jon Olav Einemo no card do UFC 131.  
  
"Júnior é uma luta séria e não do tipo que normalmente aceitaria com um aviso de 30 dias, mas eu tenho um sonho e eu não tenho muito tempo", escreveu Carwin em um blog em seu Shane-Carwin.com. "Esta é uma oportunidade para me colocar na disputa pelo título. Eu sei que os meus treinadores me deixarão prontos para ganhar".   
  
Carwin também enviou uma mensagem para seu ex-rival.  
  
"Espero que Brock seja capaz de se recuperar. Estou ansioso para enfrentá-lo novamente um dia". 

Midia

Recente
Não foi apenas um saldo positivo para os lutadores brasileiros no UFC 177, mas também atuações sólidas, com Diego Ferreira e Bethe Pitbull aplicando dois nocautes. Amanda Salvato conversou com os dois após as grandes vitórias no card principal.
30/08/2014
Ouça Danny Castillo e Tony Ferguson após a batalha no UFC 177 que terminou com uma decisão dividida.
30/08/2014
O campeão peso galo T.J. Dillashaw e o desafiante Joe Soto comentam seus desempenhos na luta principal do UFC 177 com o comentarista Joe Rogan.
30/08/2014
T.J. Dillashaw fala de sua primeira defesa de cinturão UFC, Bethe Correia expressa seu desejo de lutar pelo título, e o que Dana achou de Joe Soto.
30/08/2014