Shields espera luta de solo com Demian

" Então se puder ir lá e finalizar o Demian, que é um dos melhores praticantes de jiu jitsu da história do UFC, seria uma grande conquista.” - Jake Shields
Peso meio-médio do UFC - Jake ShieldsJake Shields não é só um lutador, é fã de MMA também, então ele já esteve no mesmo lugar que o resto de nós quando assistimos o que promete ser uma luta clássica de dois strikers, wrestlers, ou lutadores de jiu jitsu virar algo diferente.

Então enquanto ele se prepara para sua luta de quarta-feira com Demian Maia, um confronto que terá dois dos melhores praticantes de jiu jitsu, ele não está dizendo “esta é uma luta de MMA, não de jiu jitsu,” ou “estou pronto para lutar onde a luta acontecer.” Ele não deixa dúvidas: ele adoraria colocar suas habilidades do tatame contra as de Demian no Brasil.

“Eu gostaria que se tornasse uma luta de jiu jitsu”, diz Shields. “Não sei o que Demian tem em mente, mas odeio quando você tem dois ótimos strikers e se torna uma luta de wrestling ou dois caras ótimos em jiu jitsu e se torna uma luta de strikers. Talvez as pessoas queiram nos ver na trocação e planejo fazer isto. Obviamente estou preparado para lutar em pé também, mas gostaria que pelo menos metade da luta fosse no chão.”

Desde que chegou no UFC em 2010, ele enfrentou lutadores com um sólido jogo de chão como Martin Kampmann, Georges St-Pierre e Ed Herman, mas ninguém do nível de Demian quando se trata de jiu jitsu. Antes disto, ele esteve com os Mike Pyles e Toby Imadas do mundo do MMA, mas Demian é outro nível, e saber disto tem mantido Shields treinado e muito motivado.

“Me deixou muito afiado”, ele disse. “Eu sendo um cara top no jiu jitsu, não quero ir lá e ser finalizado, seria vergonhoso. Então se puder ir lá e finalizar o Demian, que é um dos melhores praticantes de jiu jitsu da história do UFC, seria uma grande conquista.”

Então o que faz de Demian tão bom?

“Ele não é tão complexo”, explica Shields. “Ele é bem simples, mas ele é muito, muito bom no que fazTrocando com Akiyama. Seus ataques são na melhor hora e ele é muito técnico. Ele não perde espaço, ele sabe como segurar você e não deixar você sair, e as finalizações que ele faz, ele faz bem.”

Mas talvez mais importante para Shields do que a possibilidade de um confronto entre respeitosos faixas pretas no tatame é a realidade que deve terminar a sequência de vitórias de Demian, com três vitórias nos peso meio-médios, ele irá ter uma chance de dar um salto na categoria e ter outra chance pela coroa dos 77 kgs.

“É exatamente isto que estou esperando”, disse Shields com 34 anos, de San Francisco. “Quero ir lá e vencer porque Demian está muito bem agora. Eu quero vencer, de preferência de um jeito empolgante, em grande estilo, para fazer uma declaração, deixa-lo pra trás e fazer as pessoas perceberem que estou aqui e estou de volta como top contender. Sinto que estou no meu melhor, o treino está ótimo, e agora é hora de ir lá e dsempenhar o melhor possível durante a luta.”


Watch Past Fights

Midia

Recente
Brasileiro mostra a árdua rotina de treino e diz que viaja todos os dias de Pirapora do Bom Jesus, no interior de São Paulo, para treinar na capital. 'Durmo no meu carro, como no carro, tudo para realizar a minha meta'. Veja o vídeo e descubra qual é!
17/12/2014
Ex-lutador do UFC comenta o ranking da semana do UFC e dá seu palpite sobre o duelo entre Lyoto Machida versus CB Dollay, neste sábado (20), em Barueri. Veja quem leva a melhor para Griffin! - Assine o Combate e confira a luta - bit.ly/1fORFti
17/12/2014
Em entrevista exclusiva para o UFC, o ex-campeão dos galos diz que para o duelo contra Mitch Gagnon optou pelo acompanhamento de uma nutricionista e que deseja virar essa página na vida. ' Estou me sentindo 100%. Estou voando', comentou Barão.
17/12/2014
Campeão da terceira edição do reality show brasileiro volta ao octógono no UFC Barueri, neste sábado. Ele fala o que mudou da sua vida após o título. Assine o Combate e não perca nada do UFC - http://bit.ly/1fORFti
17/12/2014