Zuffa compra o Strikeforce

SUBSIDIARIA DA ZUFFA, LLC ANUNCIA COMPRA DO STRIKEFORCE™
Las Vegas, Nevada, Forza, LLC, uma subsidiária da Zuffa, LLC, que detém a marca Ultimate Fighting Championship®, anunciou hoje que comprou a Explosion Entertainment, LLC dba Strikeforce®. Sob os termos do acordo, todos os contratos dos lutadores do Strikeforce serão honrados, assim como o seu acordo de transmissão com a Showtime Networks®, Inc. Strikeforce vai continuar a operar como uma empresa separada e o atual CEO do Strikeforce, Scott Coker, assinou um contrato de funcionário da empresa.  
   
"Temos trabalhado duro para fazer do MMA o esporte que mais cresce no mundo", disse o presidente do UFC Dana White. "Nós trabalhamos por horas e horas na regulamentação desse esporte e levando o Octagon® para todo o mundo. Adquirir o Strikeforce nos permite continuar a desenvolver este esporte mundialmente".
   
"Nós pretendemos operar o Strikeforce como uma empresa separada como fizemos com o WEC por muitos anos", disse Lorenzo Fertitta, presidente e CEO da Zuffa. "Estamos ansiosos para trabalhar com Scott Coker, o Strikeforce e todo da equipes Showtime, para assim continuarmos a fornecer conteúdo de qualidade para os fãs de MMA. 
    
"Nós somos admiradores do Scott Coker e do negócio Strikeforce que ele lançou e desenvolveu", continuou Fertitta. "Nós sentimos que, juntos com Scott, podemos continuar a construir tanto o Strikeforce, quanto o UFC". 
    
Atualmente, Strikeforce possui 16 eventos por ano nos Estados Unidos. A organização vai continuar a fazê-lo sob nova direção e os fãs podem esperar lutas emocionantes com seus atletas favoritos do Strikeforce. Embora não existam planos para trazer lutadores do Strikeforce para o UFC atualmente, uma nova estratégia para reforçar elenco talentoso do Strikeforce está sendo desenvolvida.  
   
"Este é um dia importante para o esporte MMA", disse o CEO do Strikeforce, Scott Coker. "Estamos muito animados para trabalhar com Lorenzo Fertitta, Frank Fertitta, Dana White e todos do UFC na busca de fazer do MMA o maior esporte do mundo. Os fãs podem continuar a esperando shows de qualidade do Strikeforce e estamos ansiosos para dar aos nossos atletas uma plataforma ainda mais ampla".      

O Strikeforce foi representado na operação pelo Evolution Media Capital, um banco de investimento de mídia e esportes filiado a Creative Artists Agency.    
 
O próximo Strikeforce está previsto para sexta-feira, 1º de abril, em Stockton, Califórnia. No evento principal do card do Strikeforce Challengers realizado na Arena Stockton, os leves Justin Wilcox (10-3) e Rodrigo Damm (9-4) se enfrentarão. O evento vai ao ar no Showtime às 23:00 (horário local).    
 
Strikeforce também tem um evento no dia 9 de abril no Valley View Casino Arena, em San Diego com uma disputa de cinturão meio-médio entre Nick Diaz (24-7-1) e Paul Daley (27-9-2). Então, em junho, Strikeforce continua seu Grand Prinx peso pesado no American Airlines Center em Dallas com um confronto muito esperado colocando Alistair Overeem (34-11-1) vs Fabricio Werdum (14-4-1). Todas as lutas ao vivo são sujeitas a alterações.   


Midia

Recente
No primeiro combate, em janeiro de 2013, Demetrious Johson levou a melhor e venceu John Dodson por decisão unânime. Agora, os dois lutadores voltam a se enfrentar no dia 05 de setembro, no UFC 191.
31/08/2015
O campeão da categoria peso-pena Demetrious Johnson defende o cinturão contra John Dodson no UFC 191, no dia 05 de setembro (sábado), em Las Vegas (EUA). A segunda luta mais importante da noite será entre os pesos pesados Frank Mir e Andrei Arlovski.
31/08/2015
Relembre a vitória de Rodrigo Minotauro sobre Brendan Schaub no UFC 134, no Rio de Janeiro, no dia 27 de agosto de 2011. O brasileiro nocauteou o norte-americano no primeiro round.
27/08/2015
Relembre o nocaute de Ross Pearson sobre Sam Stout no UFC 185, em março deste ano. Pearson volta ao octógono no dia 05 de setembro, no UFC 191, para enfrentar Paul Felder.
30/06/2015