Pular para o conteúdo principal
Notícias

Andrade admite surpresa com estratégia de Shevchenko e abre portas para revanche com Zhang

Desafiante brasileira deixou futuro em aberto para duas categorias no UFC

Uma das três disputas de cinturão do UFC 261, que aconteceu no último sábado (24), terminou em mais uma defesa de título bem sucedida para a campeã peso-mosca, Valentina Shevchenko.

A quirguiz mostrou seu jogo de chão e conquistou uma vitória por TKO sobre Jessica Andrade no segundo round. Em entrevista ao Canal Combate logo após o duelo, a desafiante brasileira revelou que foi surpreendida com a estratégia da campeã de usar o grappling para conseguir a vitória.

 

Brasil

“Estou muito feliz de ter feito essa luta, de ter podido lutar contra a Valentina. Ela me surpreendeu muito com a questão de quedas, a gente achava que ela iria pra trocação, fazer como nas outras lutas. Ela quis a luta de grade, acho que até mesmo pelos comentários que saíram durante toda a semana, de que meu jiu-jítsu era melhor, que se colocasse para o chão ela não iria levantar, e acabou que a história se inverteu. Ela fez uma coisa que eu não estava esperando, nem a minha equipe. A gente tinha treinado de tudo, mas tem dia que não é nosso dia. Agora é evoluir, melhorar e com certeza disputar o cinturão de novo mais pra frente”, disse.

Com a derrota, Jessica fica com um triunfo e um revés na categoria até 57 Kg. Para o futuro, a paranaense deixou as suas opções em aberto e chegou até a considerar uma revanche contra Zhang Weili – que perdeu o título do peso-palha na luta contra Rose Namajunas no mesmo evento.

Mais UFC 261Usman nocauteia Masvidal | Namajunas recupera o cinturão | Valentina domina Jéssica e defende o título  | Ariane Sorriso nocauteia no card preliminar | Confira todos os resultados do evento | Personalidades comentam o nocaute de Usman | Personalidades comentam o nocaute de Namajunas | Pontuações dos juízes | Bônus da noite 

“Tem muito de Jéssica Andrade ainda pela frente. Acredito que sou uma lutadora que pode fazer a diferença nas duas categorias, acho que no 57kg ou no 52kg são duas categorias que me sinto super bem e acredito que logo, logo tenha a Jéssica de novo no 52kg. Quem sabe uma revanche com a Weili, nós duas perdemos, pode ser que isso aconteça. Agora é voltar pra casa, dar uma descansada, botar as coisas no lugar, treinar mais duro e voltar melhor ainda”, disse.