Pular para o conteúdo principal

Barão: ‘Espero dar um grande show para todos’

Lutador volta ao octógono após perder o cinturão para T.J. Dillashaw

Escalado para enfrentar Mitch Gagnon na segunda luta mais importante do UFC Barueri, neste sábado, Renan Barão já foi considerado um dos melhores lutadores de MMA. O ex-campeão peso-galo permaneceu invicto entre 2005 e 2014, acumulando 32 vitórias . Mas, em maio, foi dominado por T.J. Dillashaw no UFC 173, perdendo o cinturão da categoria.

- UFC Barueri: AO VIVO e exclusivo no Canal Combate

Sonhando em voltar a ganhar o cinturão, Barão mantém o foco para sábado, mas sabe que sair com uma vitória em sua primeira luta no Brasil será importante para voltar ao topo da categoria. “O objetivo é dar um passo de cada vez. Depois dessa luta é que eu vou pensar em outro rival. Espero dar um grande show para todos”.
- Confira o perfil de Renan Barão

Diferente dos combates que fez pelo cinturão, até cinco rounds, Barão dessa vez fará uma luta de três assaltos – facilitando sua preparação. “Diminuiu um pouco a parte física, mas os treinos estão cada vez mais fortes. Também estou fazendo acompanhamento com um nutricionista, me mantendo mais regrado com o peso, o que me faz treinar mais leve e ter melhor movimentação”.
- Renan Barão: 'Quero virar essa turbulência que aconteceu na minha carreira'

UFC Barueri, 20 de dezembro

Card Principal
Lyoto Machida x CB Dollaway, peso-médio
Renan Barão x Mitch Gagnon, peso-galo
Antônio “Cara de Sapato” x Patrick Cummins, peso-meio-pesado
Elias Silvério x Rashid Magomedov, peso-leve
Erick Silva x Mike Rhodes, peso-meio-médio
Daniel Sarafian x Junior Alpha, peso-médio

Card Preliminar
Marcos Pezão x Igor Pokrajac, peso-meio-pesado
Tom Niinimaki x Renato Moicano, peso-pena
Darren Elkins x Hacran Dias, peso-pena
Leandro Issa x Ulka Sasaki, peso-galo
Marcio Lyoto x Tim Means, peso-meio-médio
Vitor Miranda x Jake Collier, peso-médio