Pular para o conteúdo principal

Barão promete partir pra cima de TJ Dillashaw

Brasileiro espera recuperar o cinturão com nocaute ou finalização


Pelo menos no discurso, o ex-campeão dos pesos-galo Renan Barão já sabe o que precisa fazer para vencer TJ Dillashaw no próximo sábado, no UFC Chicago. Em entrevista recente, no Rio de Janeiro, o brasileiro revelou parte da sua estratégia para recuperar o cinturão da categoria.
"A lesão dele teve o lado bom para mim, porque não parei de treinar e de assistir as suas lutas. Quero mostrar lá dentro que realmente aprendi com meus erros. Agora será diferente, porque já sei os caminhos para vencer. Estou focado em trazer esse cinturão de volta com um nocaute ou finalização. Quem tem boca fala o que quer, eu prefiro ficar mais concentrado no meu treinamento e responder no octógono", declarou à AG. Fight.
Barão se refere ao segundo cancelamento da revanche, em abril deste ano, quando Dillashaw sofreu uma lesão na costela poucas semanas antes do UFC 186, em Montreal, no Canadá. Antes disso, o próprio brasileiro já havia cancelado o reencontro, em agosto do ano passado, pelo UFC 177, na Califórina, ao passar mal antes da pesagem.
Agora, com o duelo confirmado para este sábado, Barão garante saber o caminho para recuperar o cinturão perdido em maio do ano passado, quando foi nocauteado por TJ Dillashaw no quinto round do UFC 173, em Las Vegas (EUA).
“Não tenho que tentar neutralizar a velocidade dele, apenas fazer o meu jogo, que é finalizar ou nocautear a qualquer momento. Vou entrar bem mais ligado desde o início da luta e cair para dentro. Vou lutar para frente e bem atento. É bom que ele esteja preparado, porque eu estou a 1000 por hora e irei soltar o meu jogo”, finalizou.