Pular para o conteúdo principal

Barnett se enxerga no topo do peso-pesado: "Podia enfrentar o Werdum"

Veterano retorna ao octógono contra Roy Nelson, no UFC Japão


Apesar de estar longe do octógono desde dezembro de 2013, Josh Barnett ainda se mantém entre os melhores pesos-pesados do UFC. Atual número 8 do ranking da categoria, o ex-campeão vai enfrentar Roy Nelson na próxima edição do UFC Japão, dia 26, mas garante que poderia estar lutando pelo cinturão.

Garanta seu ingresso para o UFC São Paulo

Em entrevista à Fox Sports norte-americana, o veterano relembrou suas conquistas no esporte, e declarou que mesmo fazendo seu retorno após quase dois anos, está em posição de encarar o campeão Fabrício Werdum.

"O fato é que eu sou um dos melhores do mundo, e tenho sido por mais de uma década. Eu posso competir contra qualquer um. Disputei títulos no Pride e Strikeforce. Eu vou enfrentar o Roy dessa vez, mas poderia lutar contra o Werdum", disse o norte-americano, que conquistou o cinturão do UFC há 13 anos.

Entre os adversários que Barnett enfrentou ao longo de sua carreira estão nomes como Rodrigo Minotauro, Daniel Cormier, Pedro Rizzo e Frank Mir, mas o 'Warmaster' não atravessa sua melhor fase no octógono. Desde que voltou ao Ultimate, o peso-pesado obteve uma vitória e uma derrota, mas ele garante que seu currículo é suficiente para ser considerado um dos melhores do mundo.

"Eu me provei. Estou pronto para uma luta de título a qualquer momento, em qualquer lugar, contra qualquer um. Não existe ninguém no mundo contra quem eu não possa lutar e conquistar o título. Posso enfrentar qualquer um que tenha um cinturão e tirá-lo dele, deixando um corpo sem vida no chão", afirmou. 

Assine o Canal Combate
Baixe o aplicativo do UFC