Pular para o conteúdo principal

Bethe Correia diz que Ronda Rousey deixou o cinturão no Brasil por marketing

A brasileira já declarou que espera uma revanche contra a campeã em 2016


A brasileira Bethe Correia está curtindo suas férias, depois de ser nocauteada em 34 segundos pela norte-americana campeã Ronda Rousey no UFC 190, no Rio de Janeiro. Mas Bethe ainda não esqueceu a derrota. Depois de falar que quer uma revanche em 2016, ela agora afirmou que Ronda deixou o cinturão no Brasil por marketing.
- Assine o Canal Combate e não perca nenhum detalhe do UFC

"Não consegui enxergar ela como essa mulher querendo fazer esse simbolismo. Acho que tudo foi marketing dela. Pelo que conheci, pelo que vi da Ronda comigo, ela é a maior jogadora de marketing. Não enxergo ela fazendo boas ações assim", disse a brasileira em entrevista para a Ag. Fight.

Ronda Rousey aproveitou alguns dias de folga no Brasil depois da luta e doou seu cinturão oficial para o Instituto Reação, do ex-judoca Flávio Canto. A campeã dos galos chegou a dizer que a viagem ao Brasil foi a mais emocionante da sua vida e que gostaria de fazer mais pelas crianças brasileiras.
Ronda Rousey cumpre promessa e deixa cinturão de campeã no Rio de Janeiro

Sobre sua próxima luta, Bethe Correia disse que espera enfrentar alguma lutadora entre as cinco melhores da categoria, descartando um duelo contra Jéssica Andrade (13 no ranking), que vem provocando a ex-desafiante. "Não tenho rivalidade com brasileira nenhuma. Não sei porque ela tem. Vou lutar novamente este ano, quero uma top cinco para ficar próxima de lutar pelo título", disse Bethe. 
Visite a UFC Store
Baixe o aplicativo do UFC
WhatsAPP UFC, fique por dentro das notícias