Pular para o conteúdo principal

Cerrone: ‘Quero que saibam que o Cowboy está no card’

Norte-americano busca sua sexta vitória consecutiva contra Myles Jury, na segunda luta mais importante do UFC 182

Prestes a fazer sua quinta luta em um período menor do que um ano, Donald Cerrone sabe que uma vitória contra Myles Jury, na segunda luta mais importante do UFC 182, neste sábado (03), será um passo fundamental caso o norte-americano queira continuar a ter uma chance de disputar o cinturão dos pesos-leves.

- UFC 182: AO VIVO e exclusivo no Canal Combate

O norte-americano lutou kickboxing e muay thai em campeonatos amadores, conseguindo um incrível cartel de 28 vitórias e nenhuma derrota, sendo 18 delas por nocaute no primeiro round. Ele fez a transição para o MMA em 2006, treinando na época com grandes nomes do esporte na Jackson's Submission Fighting, como Jon Jones, Rashad Evans e Georges St-Pierre.

- Confira o perfil de Donald Cerrone

Com seis vitórias em seus últimos sete combates, Cerrone sabe que vai encarar um atleta em ascensão, mas acredita que sua experiência irá prevalecer. “Acho que sou um grande teste para ele. Myles ainda é jovem e ele ainda não apanhou tanto, sabe? Já eu apanhei várias vezes. Eu posso ir lá, dar o meu show e continuar a vencer”, disse em entrevista ao UFC.

- Confira os preços especiais do Hotel Urbano e viaje para assistir ao UFC

Conseguindo prêmios em nove das 15 lutas feitas no Ultimate e sendo o segundo atleta peso-leve que mais finalizou combates na história do UFC e do extinto WEC, Donald Cerrone tem um único desejo para este sábado: dar mais um show para os fãs. “Se o UFC quisesse, eu lutaria todos os meses. Quero que saibam que o Cowboy está no card, que não irá desistir e irá com tudo”.

UFC 182, 03 de janeiro, Las Vegas

Card principal
Jon Jones x Daniel Cormier, peso-meio-pesado
Donald Cerrone x Myles Jury, peso-leve
Brad Tavares x Nate Marquardt, peso-médio
Kyoji Horiguchi x Louis Gaudinot, peso-mosca
Hector Lombard x Josh Burkman, peso-meio-médio

Card Preliminar
Danny Castillo x Paul Felder, peso-leve
Marcus Brimage x Cody Garbrandt, peso-galo
Shawn Jordan x Jared Cannonier, peso-pesado
Evan Dunham x Rodrigo Damm, peso-leve
Omari Akhmedov x Mats Nilsson, peso-meio-médio
Alexis Dufresne x Marion Reneau, peso-galo