Pular para o conteúdo principal

Com duas vitórias no ano, Diego Brandão aguarda por mais uma luta em 2015

Brasileiro venceu Katsunori Kikuno por nocaute aos 28 segundos do primeiro round

Se depender de Diego Brandão, os fãs de UFC ainda poderão vê-lo novamente no octógono em 2015. Após a vitória por nocaute sobre Katsunori Kikuno no UFC Japão, o brasileiro, vencedor do prêmio de melhor performance da noite, declarou que ainda espera por mais uma luta antes do final do ano.

"Espero que aconteça em dezembro ou em janeiro. Eu quero lutar mais uma vez, e gostaria que fosse antes do final do ano", declarou o peso-pena ao portal MMAjunkie.

Ingressos à venda para o UFC São Paulo | Assine o Canal Combate

A vitória sobre Kikuno foi a segunda seguida do brasileiro, que já havia vencido Jimy Hettes também por nocaute no primeiro round, em abril deste ano. Antes disso, no entanto, o Brandão vivia um momento complicado de sua carreira após derrotas para Dustin Poirier e Conor McGregor.

Agora em nova fase, o peso-pena, que viveu por dez anos nos Estados Unidos, revelou o que teve que mudar em sua rotina de treinamentos para se reencontrar com as vitórias.

"Após perder duas lutas, eu pensei: 'Eu acho que tenho que voltar para casa e trabalhar duro com os melhores caras. Eles são uma turma de caras faixas-pretas de jiu-jitsu, especialistas em judô e em wrestling e poderiam me preparar para essa luta. Isso foi muito bom. Me sinto muito feliz por essas duas vitórias no primeiro round", finalizou.

LEIA MAIS: 
Em luta de cinco rounds, Josh Barnett vence Roy Nelson por decisão unânime
Arrasador, Diego Brandão nocauteia Katsunori Kikuno em apenas 31 segundos
Roy Nelson revela frustração com derrota e projeta revanche contra Josh Barnett
Josh Barnett enaltece resistência de Roy Nelson após luta: "Ele é um guerreiro"