Pular para o conteúdo principal
Eventos

Confira todos os resultados do UFC Wichita

Evento ocorreu no último sábado (09) e teve vitórias de Junior Cigano e Elizeu Capoeira

O octógono chegou pela primeira vez no estado de Kansas no último sábado (09) com o UFC Wichita. Na luta principal do evento, o brasileiro Júnior Cigano nocauteou Derrick Lewis no peso-pesado e continuou sua caminhada rumo ao cinturão. No segundo duelo mais importante da noite, Elizeu Capoeira deu show e finalizou Curtis Millender ainda no primeiro round. Confira abaixo um resumo do evento.

Mais UFC Wichita: Cigano nocauteia Lewis | Capoeira finaliza Millender | Bônus da Noite | Entrevista no octógono com Junior Cigano | Cigano sugere Cormier como próximo desafio

Cigano nocauteia Lewis e vence a terceira seguida

Brasileiro saiu vitorioso da luta principal do evento, realizado no último sábado (09), após nocautear Derrick Lewis de maneira espetacular no segundo round.


Junior Cigano deu um grande passo rumo ao cinturão peso-pesado. O brasileiro mostrou que está com o boxe afiado e nocauteou Derrick Lewis no segundo round, na luta principal do UFC Wichita. O ex-campeão agora possui três vitórias consecutivas e deve dar um belo salto no ranking, já que Lewis era o terceiro colocado. Com o triunfo, Cigano empata com Cain Velasquez e o próprio Lewis como o peso-pesado que mais nocauteou no UFC (10), além de estar atrás apenas de Andrei Arlovski e Frank Mir (16) como o atleta que mais venceu na categoria (15).

"Eu não me importo com quem vou lutar em seguida, desde que eu me mantenha ativo. Eu quero lutar. Estou aqui para lutar novamente e conquistar de novo o meu cinturão"

Elizeu Capoeira dá show e finaliza Millender

Elizeu Capoeira finalizou Curtis Millender no UFC Wichita, garantindo a sétima vitória seguida na organização.


Para os fãs que esperavam um duelo equilibrado, Elizeu Capoeira tratou logo de acabar com qualquer expectativa sobre isso. O brasileiro não tomou conhecimento de Curtis Millender e finalizou o norte-americano com um mata-leão logo no primeiro round, na segunda luta mais importante do UFC Wichita. Capoeira conquistou a sétima vitória consecutiva no octógono e está atrás apenas do campeão Kamaru Usman (10) como o meio-médio com o maior número de vitórias consecutivas na organização.

"Eu acabei com três lutas em sequência. Me dê um top 5. Mostre respeito comigo. Pedi por adversários específicos no passado e nunca os enfrentei. Me dê um top 5. Não me importo quem seja, vou mostrar minhas habilidades e dar orgulho à minha família"

Niko Price nocauteia Tim Means em grande estilo

Foram menos de cinco minutos de luta, mas quando se tem Niko Price e Tim Means no octógono, quem precisa de mais? Os dois lutadores deram um show no UFC Wichita em um duelo cheio de reviravoltas e, quando parecia que Means nocautearia, Price acertou um contra-ataque e mandou o "Dirty Bird" à lona, sem chances de reação. "O Híbrido" se recupera da derrota da última luta e conquista o quinto triunfo no octógono.

 

Blagoy Ivanov vence a primeira no octógono

Blagoy Ivanov e Ben Rothwell fizeram um duelo muito estudado, que terminou com vitória do búlgaro ao final de 15 minutos. Apesar de sua especialidade ser a luta agarrada, Ivanov não quis saber de levar a luta para o solo e trocou golpes com Rothwell durante três rounds e acabou sendo premiado com a decisão dos juízes.

"Ele é um guerreiro. Estpu muito feliz em conseguir essa vitória. Foi muito difícil triunfar contra o Ben. Ele é um dos caras mais experientes do UFC. Foi uma primeira vitória muito difícil para mim".

Beneil Dariush se recupera e finaliza Drew Dober

Beneil Dariush teve dificuldades no primeiro round, mas se recuperou no segundo assalto e fez bom uso de seu jiu-jítsu para finalizar Drew Dober com uma chave de braço. Dariush não conseguia acompanhar o ritmo de Dober na luta em pé, mas mudou sua estratégia e colocou o rival no solo, trabalhando as posições até conseguir a finalização. Foi a segunda vitória consecutiva do peso-leve.

"Eu preciso provar a mim mesmo que sou um dos melhores. estava em uma sequência tão ruim, que deixei isso em dúvida na minha cabeça. Preciso conquistar essa dúvida. Essa é a parte mais difícil".

Akhmedov domina Boetsch e vence por decisão unânime

Na primeira luta do card principal, Omari Akhmedov mostrou bom aproveitamento na luta em pé e venceu Tim Boetsch por decisão unânime. O russo encaixou os melhores jabs e diretos e conseguiu controlar a distância durante os três rounds para sair vitorioso. Akhmedov está agora invicto em suas últimas quatro lutas, enquanto o norte-americano Boetsch perdeu três de seus quatro últimos duelos.

"Eu senti que estava mais rápido em pé e parei no plano B. Eu tinha que me movimentar para evitar os golpes mais fortes. Me empolguei às vezes e acabei trocando golpes, mas continuei me movimentado e acertando socos. Quero qualquer um no top 15 na próxima".

Rocco Martin supera Serginho Moraes por decisão

Primeiro brasileiro a subir no octógono, Serginho Moraes foi superado por Anthony Rocco Martin por decisão unânime. O norte-americano dominou as ações no duelo e impôs seu ritmo contra o brasileiro, que não conseguiu utilizar bem o seu jiu-jitsu. Foi a quarta vitória consecutiva de Martin, enquanto Serginho conheceu sua terceira derrota em 12 lutas no UFC.

"Estou 4-0 nos meios-médios e me sinto fenomenal. Acho que agora estou perto do máximo do meu potencial. Esse é apenas o começo".

Kunitskaya vence luta dura contra Reneau

Na única luta feminina da noite, Yana Kunistakaya superou Marion Renau por decisão dos juízes. As duas atletas fizeram um duelo duro, com Renau conseguindo acertar bons golpes no rosto da russa. Apesar do sangramento forte no nariz, Kunitskaya conseguiu controlar o combate por maior parte do tempo e saiu com o braço levantado ao final de 15 minutos. Foi a segunda vitória consecutiva da lutadora no octógono.

Grant Dawson faz grande luta em sua estreia

Em outro grande duelo no UFC Wichita, Grant Dawson fez ótima estreia e venceu Julian Erosa por decisão unânime. Os pesos-penas fizeram uma luta extremamente movimentada e quase se nocautearam algumas vezes. A maior contundência e o ground and pound, no entanto, foram fundamentais para a vitória de Dawson.

"Eu impus meu ritmo, acertei o máximo de socos no rosto que eu pude, consegui e queda e procurei a finalização. Não a consegui hoje, mas irei conseguir na próxima vez".

Maurice Greene vence Jeff Hughes por decisão

No primeiro duelo peso-pesado da noite, Maurice Greene levou a melhor e saiu vitorioso por decisão dividida contra Jeff Hughes. O duelo foi muito equilibrado, com Greene conseguindo um knockdown no segundo round. Esta foi a segunda vitória consecutiva de Greene, enquanto Hughes perde em sua estreia após o Contender Series.

"No final do dia, eu vim aqui e conquistei uma vitória com pouco tempo de preparação. Eu queria ter feito um pouco mais, já que meu jab o machucou. Eu fui muito lento na reação. Não conquistei o nocaute, mas consegui a vitória".

Matt Schnell dá aula de jiu-jítsu e finaliza Smolka

Em uma apresentação impressionante, Matt Schnell conseguiu finalizar Louis Smolka com um triângulo no primeiro round. O peso-galo entrou focado no octógono e quase conseguiu a vitória com uma guilhotina, mas Smolka escapou. Schnell então conseguiu mudar para um triângulo e dar números finais ao combate. Foi a terceira vitória consecutiva de Schnell no Ultimate, a primeira por finalização.

"Eu quero chegar no top 15. Quero ser considerado o melhor do mundo. Ainda sou jovem, mas posso vencer qualquer um. Não estou apenas falando por falar. Eu posso vencer qualquer um".

Alex Morono atropela Zak Ottow no primeiro round

Foi um passeio! Alex Morono não deu chances para Zak Ottow e conseguiu o nocaute técnico ainda no primeiro round. Morono conectou os melhores golpes e quase conseguiu finalizar com uma guilhotina, mas deu números finais ao duelo em um ground and pound violento. Foi a segunda vitória consecutiva de Morono, a quinta no octógono.

"Fiz um treino bom, forte e saudável por seis semanas. Eu finalmente achei a quantidade perfeita de treinos. Cheguei ao topo no momento certo".

Em luta movimentada, White vence Moret por decisão

O primeiro duelo da noite foi bem movimentado. Os pesos-leve Alex White e Dan Moret alternaram bons e maus momentos nos 15 minutos da luta, que terminou com vitória de White por decisão unânime. Com o triunfo, "The Spartan" se recupera de uma sequência de duas derrotas, enquanto Moret ainda não venceu no octógono.

Confira todo os resultados do UFC Wichita
Card Principal

Junior Cigano venceu Derrick Lewis por nocaute técnico aos 1m52 do 2º round;
Elizeu Capoeira venceu Curtis Millender por finalização (mata-leão) aos 2m35s do 1º round;
Niko Price venceu Tim Means por nocaute aos 4m50s do 1º round;
Blagoy Ivanov venceu Ben Rothwell por decisão unânime (triplo 29-28);
Beneil Dariush venceu Drew Dober por finalização (chave de braço) aos 4m41s do 2º round;
Omari Akhmedov venceu Tim Boetsch por decisão unânime (triplo 30-27);

Card Preliminar

Anthony Rocco Martin venceu Sergio Moraes por decisão unânime (triplo 30-27);
Yana Kunitskaya venceu Marion Reneau por decisão unânime (triplo 29-28);
Grant Dawson venceu Julian Erosa por decisão unânime (30-26, 30-27, 29-27);
Maurice Greene venceu Jeff Hughes por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28);
Matt Schnell venceu Louis Smolka por finalização (triângulo) aos 3m18s do 1º round;
Alex Morono venceu Zak Ottow por nocaute técnico aos 3m34s do 1º round;
Alex White venceu Dan Moret por decisão unânime (triplo 29-28).

Assine o combate | Siga o UFC Brasil no Youtube

Junior Cigano merece disputar o cinturão após vencer no UFC Wichita?

Sim
84% (1 voto)
Não
16% (1 voto)
Total votes: 219