Pular para o conteúdo principal
/themes/custom/ufc/assets/img/default-hero.jpg

Contagem regressiva para o UFC 200: Lutas que os fãs querem ver no futuro

Confira algumas super-lutas que poderiam acontecer nas próximas edições

A melhor coisa sobre ser um fã do UFC é que, na maioria das vezes, as lutas que todos querem ver acabam acontecendo. E quais são alguns dos confrontos que estão na cabeça dos fãs do UFC após o UFC 200? Leia e descubra!
Jon Jones x Cain Velasquez

 

Durante seu longo reinado no topo da divisão meio-pesado, todos esperavam que Jon Jones eventualmente limpasse a categoria e subisse para o peso-pesado. E apesar de ele ter negócios a resolver com Daniel Cormier no UFC 200, não seria legal ver Jones se testar com caras maiores, em particular com o parceiro de treinos de Jones, o ex-campeão Cain Velasquez?
Michael Bisping x Dan Henderson II

No UFC 100, em 2009, Dan Henderson acabou com as esperanças de título de Michael Bisping com um nocaute devastador no segundo round. Sete anos depois, Bisping é agora o rei dos pesos-médios, depois de nocautear Luke Rockhold, e, aos 45 anos, Henderson rejuvenesceu sua longa carreira com um nocaute sobre Hector Lombard no mesmo card. Hendo ainda não definiu seu futuro, mas uma revanche com Bisping certamente faria ele ficar por mais algum tempo.
Mais UFC 200: Marreta enfrenta Mousasi | Algo diz que Edgar não o verá no octógono | Miesha estampa capa de revista | Cormier menospreza poder de nocaute de Jones | Lesnar diz não ter nada a provar | A longa trajetória de Miesha | Jones ignora chances de Cormier | Os números de Brock Lesnar
Conor McGregor x Frankie Edgar

Ex-campeão dos pesos-leves, Frankie Edgar pode deixar o UFC 200 com o cinturão interino dos penas se derrotar José Aldo, mas a vontade de Edgar, que vem de cinco vitórias seguidas na divisão, era encarar o campeão Conor McGregor. O “Notório” tem encontro marcado com Nate Diaz no UFC 200, dia 20 de agosto, mas, depois disso, um confronto entre McGregor e Edgar entraria para a história dos pesos-pena.
Contagem regressiva: It's time! | A história de Brock | Melhores finalizações | A trajetória de Miesha Tate | O legado de GSP | Melhores nocautes | Melhores eventos | Momentos bizarros | Momentos históricos | Os melhores strikers | As melhores entradas | Maiores surpresas da história
Demetrious Johnson x Dominick Cruz II
Em outubro de 2011, Demetrious Johnson desafiou o título dos galos de Dominick Cruz, e acabou derrotado por decisão unânime. O “Mighty Mouse” está invicto desde então, com 10 vitórias e um empate, e se tornou o primeiro campeão peso-mosca da história do Ultimate e um dos melhores lutadores da organização. Depois de limpar a categoria, uma revanche com o “Dominador”, que vem de grandes triunfos sobre TJ Dillashaw e Urijah Faber, seria uma super-luta que nenhum fã gostaria de perder.
Miesha Tate x Ronda Rousey III

A ex-campeã peso-galo Ronda Rousey pode estar invicta em suas duas lutas contra Miesha Tate, mas a rivalidade entre as estrelas da divisão está mais quente do que nunca. Tate tem uma dura missão no UFC 200, defendendo seu título pela primeira vez contra Amanda Nunes, mas, ganhando ou perdendo, uma terceira luta com Rousey seria interessante, principalmente pelos diferentes caminhos que as duas tomaram desde o último encontro, em dezembro de 2013.
Robbie Lawler x Nate Diaz

 

Apesar do recente sucesso de Nate Diaz na divisão dos leves, a vitória sobre Conor McGregor pelos meio-médios no UFC 196 mostrou que ele pode batalhar também na divisão de cima. Então, por que não uma luta contra Robbie Lawler, revisitando a rivalidade Diaz e Lawler, já que o irmão de Nate, Nick, já venceu Lawler no UFC 47, em 2004. Em termos de estilo e história, esta luta seria um clássico.
Assine o Combate | O canal do UFC no YouTube | Visite a UFC Store | Baixe o aplicativo do UFC 

Qual superluta você gostaria de ver no #UFC?
— UFC BRASIL (@ufc_brasil) 22 de junho de 2016