Pular para o conteúdo principal
Lutadores Brasileiros

Dhiego Lima e Bruno Silva são os brasileiros no UFC 243

Saiba mais sobre o compromisso da dupla neste sábado (5) na Austrália

Após a passagem pela Dinamarca no último final de semana, o Octógono desembarca em Melbourne, na Austrália, neste sábado (5) com o UFC 243, liderado pela disputa pelo cinturão linear dos médios entre Robert Whittaker e Israel Adesanya.

Mais UFC 243: As previsões de Dana WhiteComo assistirCard completo

O card terá dupla participação brasileira com Dhiego Lima e Bruno Silva. Saiba mais sobre os compromissos da dupla no evento.

Dhiego Lima

Após perder cinco de seus seis primeiros compromissos em suas duas primeiras passagens pelo Ultimate, o finalista do TUF 19 e TUF 25, Dhiego Lima, finalmente desencantou no Octógono e conquistou triunfos consecutivos sobre Chad Laprise e Court McGee em suas duas apresentações mais recentes.

De olho na terceira vitória na organização, o goiano de 30 anos encara o neozelandês Luke Jumeau, pelos meio-médios, na luta de abertura do card principal do evento. Entrando em ação pela primeira vez desde fevereiro de 2018, Jumeau tem duas vitórias em três combates no Ultimate, e em seu último embate superou Daichi Abe por decisão unânime.

Bruno Silva

Paulista de 29 anos de idade, o peso-galo Bruno Silva fará neste final de semana sua estreia no Octógono. Parceiro de treinos do campeão dos moscas e dos galos Henry Cejudo, “Bulldoguinho” chega à organização com um cartel de 10 vitórias e três derrotas, além de dois empates.

Seu primeiro compromisso na organização será diante do alemão de origem libanesa, Khalid Taha, que, em sua última luta, precisou de apenas 25 segundos para despachar Boston Salmon por nocaute técnico, em abril deste ano.

O UFC 243 terá transmissão ao vivo e exclusiva do Canal Combate neste sábado, com a primeira luta prevista para às 20h30 (horário de Brasília).

Assine o Combate | Siga o UFC Brasil no Youtube