Pular para o conteúdo principal

Dillashaw-Barão 2 no UFC 186, em Montreal

 


UFC® RETORNA À MONTREAL COM A REVANCHE PELO CINTURÃO PESO-GALO ENTRE TJ DILLASHAW E RENAN BARÃO

E MAIS
RORY MACDONALD (#2) vs. HECTOR LOMBARD (#5)
QUINTON JACKSON vs. FABIO MALDONADO (#13)
MICHAEL BISPING (#9) vs. C.B. DOLLAWAY (#10)
PATRICK COTE vs. JOE RIGGS
OLIVIER AUBIN-MERCIER vs. DAVID MICHAUD
JESSICA RAKOCZY vs. VALERIE LETOURNEAU
 
INGRESSOS PARA O UFC® 186: DILLASHAW vs. BARAO II ESTARÃO À VENDA NO SÁBADO, 14 DE FEVEREIRO

Toronto, Canadá - O UFC® faz seu retorno à Montreal com a esperada revanche entre o campeão peso-galo TJ Dillashaw (12-2, lutando por Sacramento, Califórnia, EUA) e o ex-campeão Renan Barão (35-2, 1NC, lutando pelo Rio de Janeiro, Brasil) no Bell Centre, no sábado, dia 25 de abril.

O primeiro duelo envolvendo Dillashaw e Barão recebeu as honras de "Luta da Noite", no UFC® 173, em maio de 2013. Barão, então campeão até 61 kg, entrou no octógono com um impressionante cartel de 32 lutas invicto e três defesas de título bem sucedidas desde que se tornou campeão, em 2012. Ele era considerado o grande favorito contra Dillashaw (Team Alpha Male). No entanto, Dillashaw dominou o brasileiro ao longo de quatro assaltos e ganhou por TKO no round final, com um chute e socos cabeça. A “zebra” levou a melhor, Dillashaw conquistou o cinturão galo e ainda foi premiado com o bônus de "Performance da Noite”.

Os dois estavam programados para fazer a revanche no UFC 177, em agosto de 2014, mas Barão foi forçado a deixar o combate devido a problemas com seu corte de peso. Com Barão fora, Joe Soto, que estava originalmente faria a primeira luta do evento, entrou em cena para desafiar Dillashaw pelo título. Depois de quatro rounds, Dillashaw acertou um chute cabeça e venceu por KO no quinto assalto, defendendo seu título pela primeira vez. Dillashaw venceu sete dos últimos oito adversários, com três finalizações e cinco nocautes.

Barão finalmente fez seu retorno, em dezembro de 2014, quando ganhou a "Performance da Noite" ao encaixar um katagatame no canadense Mitch Gagnon. Barão é um especialista em finalizações e ganhou 15 de suas 35 lutas por dessa forma, além dos oito nocautes. Em 25 de abril, o ex-campeão vai com tudo para trazer o cinturão de volta para o Brasil.

Na luta co-principal, o meio-médio canadense Rory MacDonald (18-2, lutando por Montreal, Canadá) vai enfrentar o ex-judoca olímpico Hector Lombard (35-4-1, 1NC, lutando por Coconut Creek, FL., EUA). MacDonald, 25 anos, ganhou três seguidas, incluindo o impressionante TKO no terceiro round contra Tarec Saffiedine, em outubro de 2014. Ele é dono de oito vitórias em suas últimas nove lutas, e a única derrota nesse período foi por decisão dividida contra Robbie Lawler, o atual campeão da categoria. Atualmente ocupando o nº 2 no ranking, MacDonald está sedento por uma disputa de título e espera que uma vitória sobre Lombard sacramente seu lugar como próximo desafiante.

Lombard também ostenta três vitórias nas últimas três lutas e é o atual nº 5 entre os meio-médios. O cubano, de 36 anos, possui 22 nocautes e quatro vitórias por finalização. Desde que se tornou profissional, em 2004, Lombard só perdeu quatro lutas, todas por decisão. Mãos pesadas e muita agilidade representam perigo eminente para seus adversários.

O veterano Quinton "Rampage" Jackson (32-10, lutando por Irvine, na Califórnia, EUA) fará seu retorno ao octógono, após uma ausência de dois anos. Ele vai enfrentar o número 13 do ranking, Fabio Maldonado (22-7, lutando por Florianópolis, Santa Catarina, Brasil), em combate peso meio-pesado. Jackson, que está vindo de três vitórias seguidas, competiu pela última vez no UFC em janeiro de 2013, quando perdeu para Glover Teixeira por decisão unânime. Enquanto isso, Maldonado, que venceu quatro de seus últimos cinco rivais, vem de uma vitória por TKO sobre Hans Stringer, no UFC® 179, em outubro de 2014.

Além desses embates, o inglês Michael Bisping (26-7-0, lutando por Manchester, Inglaterra) enfrentará CB Dolloway (16-7, lutando por Tempe, Az ., EUA).

Outras lutas confirmadas para UFC® 186: DILLASHAW vs. BARAO II:
• Patrick Côté (21-9, lutando por Montreal, Canadá) encara Joe Riggs (40-15, lutando por Glendale, Arizona., EUA), no meio-médio
• Em uma batalha de participantes do The Ultimate Fighter, o faixa-preta de judô Olivier Aubin-Mercier (6-1, lutando por Montreal, Canadá) enfrenta David Michaud (8-1, lutando por Glendale, Arizona., EUA), no peso-leve.
• Campeã mundial de boxe, Jessica Rakoczy (1-4, lutando por Las Vegas, NV., EUA), faz seu retorno ao octógono depois do segundo lugar no The Ultimate Fighter, em 2013. Ela pega a especialista em trocação, Valerie Letourneau (6-3, lutando por Coconut Creek, FL., EUA), em um duelo peso-palha. Ambas desceram de categoria e entraram na mais nova divisão no UFC

Mais duelos do UFC® 186: DILLASHAW vs. BARAO II serão anunciados nas próximas semanas.