Pular para o conteúdo principal
Notícias

Durinho relembra sparrings com Usman: “nos ajudamos muito”

Desafiante ao cinturão meio-médio conta que fez mais de 200 rounds com o campeão

Não é nenhum segredo que Gilbert “Durinho” e Kamaru Usman foram parceiros de treinos por anos. Agora, a semanas de disputar o cinturão dos meio-médios, o brasileiro relembrou os treinos com o nigeriano na Flórida.

“O Kamaru e eu fizemos pelo menos 200 rounds de sparing. [...] Treinei com o Kamaru por sete anos, e nós dois amamos treinar”, disse o brasileiro em entrevista ao portal MMA Junkie.

“Ele era um bom parceiro de treinos para mim, e eu era bom para ele. Só de sparrings, pelo menos 200. E tem também as sessões de grappling, as de wrestling, com certeza eu tenho muitas horas de tatame com o Kamaru. Nós nos conhecemos muito bem”.

BOCA RATON, FL - JANUARY 27:   Kamarudeen Usman celebrates his victory over Michael Graves during the filming of The Ultimate Fighter: American Top Team vs Blackzilians on January 27, 2015 in Boca Raton, Florida. (Photo by Christopher Trotman/Zuffa LLC/Zu

O duelo acontecerá no UFC 258, em 13 de fevereiro. Esta será a primeira vez que Durinho vai disputar um cinturão no UFC, enquanto Usman tentará fazer a defesa de número três da coroa dos 77 Kg.

Número 2 no ranking da divisão, Durinho garante que os treinos com Usman foram muito proveitosos enquanto duraram. Atualmente, o campeão treina em Denver, Colorado, ao lado de nomes como Justin Gaethje. O brasileiro garante que para a luta que se aproxima, o que prevalece é o respeito.

Confira a página do UFC 258

“Era um trabalho duro para os dois. Ele me bateu algumas vezes, eu bati nele algumas vezes. Era muito competitivo, especialmente quando eu subi para os 77 Kg. [...] Mas sempre foi bom. Sempre que via que o Kamaru estava disponível, eu ficava animado para treinar com ele. Nós nos ajudamos muito”, disse.

“Eu tenho tanto respeito pelo Kamaru. Gosto muito dele e vai ser uma competição. Sem rivalidade, sem nada. Não tenho nada contra ele. Ele tem sido um grande campeão, um bom parceiro de treinos. Nunca fomos amigos próximos, não trocávamos mensagem ou coisa do tipo. Sempre foi sobre lutar”.

O Canal Combate transmite o evento ao vivo e na íntegra a partir das 20h15 (horário de Brasília).

Assine o Combate | Siga o UFC Brasil no Youtube