Pular para o conteúdo principal

Estrelas do UFC 192 comentam possível retorno de Jon Jones

 


Jon Jones foi um grande destaque nos treinos abertos do UFC 192, nos quais os quatro melhores lutadores na divisão que ‘Bones’ já dominou tomaram o centro do palco no primeiro dia de atividades oficiais da semana de luta.

Atual campeão dos meio-pesados, Daniel Cormier parecia não ser afetado pela notícia de que Jones chegou a um acordo judicial com as autoridades do Novo México sobre os encargos decorrentes de um acidente de automóvel no início deste ano. Mas a agitação do norte-americano crescia conforme ele falava sobre o assunto, até que ele revelou o desejo de receber Jones na volta ao UFC.

"Se alguma vez houve uma dúvida de que eu quero voltar ao octógono com este homem, por favor, esqueçam," disse Cormier enquanto o suor escorria de sua testa depois de um treino de 10 minutos na frente de cerca de 100 fãs no hotel Westin Houston.

Leia também: Cormier projeta revanche contra ex-campeão | 'DC' provoca Gustafsson

Adversário de Cormier, Alexander Gustafsson disse que não tem opinião sobre a situação mas, assim como ‘DC’, ele também gostaria de uma outra chance contra o antigo rei peso por peso.

"Eu só espero que ele esteja melhorando e que tenha aprendido com seus erros", disse Gustafsson. "[Espero] que ele volte para a divisão para que eu possa vencê-lo também."

No card de sábado, o ex-campeão Rashad Evans retorna após quase dois anos batalhando contra lesões no joelho para enfrentar Ryan Bader no que muitos chamam de uma eliminatória pela disputa de título. Mas, com o possível retorno de Jones, Evans garante que nunca encarou o duelo dessa maneira.

"Eu meio que sabia que ele voltaria. Todo mundo estava falando sobre o título e coisas assim, mas eu sabia que o Jones voltaria", disse Evans. "Então eu realmente não pensei que essa luta me daria uma disputa pelo título. Eu apenas estou grato por tudo o que veio em meu caminho."

Ingressos à venda para o UFC São Paulo Visite a UFC Store | Baixe o aplicativo do UFC em seu celular | Assine o Canal Combate

Bader tem feito campanha por uma disputa de título há algum tempo. Campanha esta que foi a outro nível quando o norte-americano desafiou Cormier após a vitória do campeão sobre Anthony Johnson no UFC 187. Quando o seu nome não foi chamado para o title-shot, ele apenas aceitou e partiu para a próxima. O atleta não está pensando em Jones ou Cormier agora. Para Bader, Evans é o alvo.

"Eu posso me preocupar com isso depois, mas agora eu estou focado em Rashad", disse.

O ponto em comum entre estes quatro homens é o fato de que Jones já venceu a todos. O ex-campeão enfrentará, sem dúvidas, seu maior desafio quando retornar a este pelotão de fuzilamento que anseia pela chance de ser chamado de rei dos 93kg.

Cormier estará pronto quando Jones estiver pronto.

"Vamos ver quando o UFC liberá-lo e vamos ver quando ele quer lutar", disse. "Nós não sabemos o que ele vem fazendo nos últimos meses, mas se ele estiver treinando - que assim seja."