Pular para o conteúdo principal

Glover Teixeira e Amanda Nunes vão bem e garantem vitórias para o Brasil

Os dois representantes brasileiros venceram suas lutas usando o jiu-jitsu


Os brasileiros conseguiram bons resultados no UFC Nashville, na noite deste sábado. Primeira representante do país a subir no octógono, Amanda Nunes finalizou Sara McMann, no primeiro round, e logo depois Glover Teixeira também usou o jiu-jitsu para vencer Ovince Saint Preux, que vinha de dois belos nocautes contra Maurício Shogun e Patrick Cummins.
- Assine o Canal Combate e não perca nenhum detalhe do UFC

Vindo de duas derrotas, Glover Teixeira sabia que precisava de uma boa apresentação para seguir no caminho para disputar o cinturão dos meio-pesados. O mineiro mostrou que continua com o boxe afiado e, apesar de estar com o rosto sangrando, teve calma para executar seu jogo e conseguir a finalização no terceiro round.

"Voltei. Minha última luta foi ruim, mas falei que precisava voltar a ser eu mesmo. O Saint Preux é muito duro, conseguiu boas sequências, mas estou de volta", disse o brasileiro.

Antes disso, Amanda Nunes mostrou que também está com o chão em dia e finalizou a ex-desafiante ao título. Sara McMann até que tentou buscar brechas, mas a brasileira foi superior no jiu-jitsu e finalizou a norte-americana ainda no primeiro round. É a segunda vitória de Amanda, talvez a mais convincente da categoria.