Pular para o conteúdo principal

Holm diz que não vai provocar Ronda: 'Só tenho coisas boas para falar dela'

Ex-campeã de boxe enfrenta a campeã dos galos do UFC em janeiro de 2016


A campeã Ronda Rousey vem de uma vitória sobre Bethe Correia no UFC 190, em 1 de agosto, depois de muita troca de farpas antes do duelo. Poucos dias depois, foi confirmado que Ronda enfrentará Holly Holm no UFC 195, em janeiro de 2016, mas dessa vez a luta não deve ter tantas provocações. Não se depender da desafiante ao título feminino dos galos.
Leia também: Rivais de Ronda juntas | Dana nega Ronda x Cyborg | Cinturão fica no Brasil | Assine o Canal Combate

"Não costumo fazer provocações. Só tenho boas coisas para falar sobre a Ronda, e a respeito por tudo que fez pelo MMA feminino e pelas mulheres que estão no esporte. Ela está invicta, melhorou muito, e vem provando que não é uma lutadora que tem apenas a chave de braço", disse Holm ao site TMZ, deixando claro que o judô da campeã não será sua única preocupação dentro do octógono.

Ex-campeã de boxe e considerada uma das melhores trocadoras da categoria, Holm agradeceu os elogios que Ronda fez quando a luta foi anunciada, mas sabe que a campeã usará o duelo para mostrar que é a melhor na luta em pé. "Os elogios são ótimos, mas abrem caminho para que ela seja considerada a melhor trocadora se me vencer", disse a desafiante.
Garanta sua camisa da Ronda Rousey
Baixe o aplicativo do UFC
Siga o WhatsAPP UFC e fique por dentro das notícias