Pular para o conteúdo principal

McGregor domina Siver, vence o UFC Boston, e é contido por seguranças

Gleison Tibau se torna o terceiro maior vencedor da história do Ultimate, com 16 conquistas

Conor McGregor deixou mais uma vez sua marca. A vítima da vez foi Dennis Siver, na madrugada desta segunda-feira (19), no UFC Boston. O russo-germano não resistiu às provocações do adversário dentro e fora do octógono e acabou nocauteado metade do segundo round. Depois de uma bela sequência de socos, o falastrão derrubou Siver, passou a guarda e detotono o oponente com uma saraivada de socos e cotoveladas.
 
- Veja os resultados do UFC Boston
 
- Veja o momento em que McGregor provoca Aldo

 
Após atropelar Dennis Siver, @thenotoriousmma sobe no cage, celebra com a torcida e faz o gesto de execução para o campeão Jose Aldo. #UFCBoston
Um vídeo publicado por UFC (@ufcbrasiloficial) em Jan 18, 2015 at 9:42 PST

 

Com a vitória, McGregor não se conteve, pulou a grade do octógono e partiu para cima de José Aldo, que assistia tranquilamente a luta do seu possível futuro oponente. Sorrindo, o brasileiro só observou a atitude do adversário, que precisou ser contindo pelos seguranças.

Em outro grande duelo da noite, Donald Cerrone venceu Benson Henderson por decisão dos juízes. Henderson não gostou do resultado. Já o “Cowboy” se fez de bom moço, agradeceu a oportunidade de lutar em dois eventos seguidos (ele lutou no UFC 182, quinze dias) e pediu mais lutas. "Meu trabalho é apenas lutar, não julgo as lutas". 

O brasileiro Gleison Tibau levou a terceira luta seguida na catergoria - em sua 24 participação no UFC. Ele venceu o norte-irlandês Norman Parke por decisão dos juízes. Com a vit´øria, ele se torna o terceiro maior vencedor da história do Ultimate, com dezesseis conquistas, atrás apenas de Matt Hughes (18) e Georges St-Pierre (19)