Pular para o conteúdo principal

McGregor: ‘fãs queriam me matar da mesma maneira que eu queria matá-los’

Irlandês comentou sobre o bate-papo que teve com os fãs brasileiros antes da pesagem do UFC 179

A interação do irlandês Conor McGregor com os fãs brasileiros durante a passagem do peso-pena pelo Rio de Janeiro em outubro deste ano, no UFC 179, ainda atormenta o lutador. O falastrão McGregor foi alvo de diversas provocações, especialmente por conta de um possível duelo contra o campeão da categoria, José Aldo. O irlandês, porém, não se mostrou incomodado com o tratamento que recebeu no país.
- Confira o card completo do UFC Boston

“Adorei minha experiência no Brasil. Eles são passionais quanto ao esporte, e eu senti que eles queriam me matar da mesma maneira que eu queria matá-los. Os fãs adoram os atletas brasileiros. Se fosse na Irlanda, seria a mesma loucura, mas a meu favor. Eu respeito todos, mas estou em minha própria jornada e só existe espaço para uma pessoa, que seria eu”, disse o lutador durante a super coletiva “The Time is Now”, realizada em 17 de novembro.
Dedé Pederneiras: 'Edgar está na frente de McGregor'

Conor McGregor fará sua próxima luta contra Dennis Siver, no UFC Boston, em 18 de janeiro de 2015. O lutador é visto como um possível desafiante de José Aldo, pelo cinturão dos pesos-pena, caso vença seu duelo no início de 2015. Além do irlandês, o ex-campeão dos leves, Frankie Edgar, também vem sendo cotado na disputa do título.
- Confira o perfil de Conor McGregor
- Confira o perfil de José Aldo
- Confira o perfil de Frankie Edgar