Pular para o conteúdo principal

Miesha Tate desdenha de Bethe Correia: "Simplesmente não é boa"

Norte-americana avaliou que brasileira é "novata" no esporte


Número um no ranking peso-galo feminino, Miesha Tate foi nomeada pelo presidente do UFC como a próxima oponente de Ronda Rousey, mas ela não pretende usar a última luta da campeã como objeto de estudo em sua preparação.

Em 1º de agosto, Ronda nocauteou Bethe Correia em apenas 34 segundos no combate principal do UFC 190, porém Miesha diz não acreditar que o resultado foi fruto da dominância da líder da categoria. Segundo ela, a desafiante brasileira simplesmente não era boa o suficiente para disputar o título.

Leia também: Dana nega Ronda x Cyborg | Cinturão fica no Brasil | Assine o Canal Combate

"Eu não acho que a Bethe se compara a qualquer uma das lutadoras do top 10, então eu não dou muito valor àquela luta. Eu sei que não cairia daquele jeito, nem me viraria para correr e ser golpeada na nuca. Erros de novata feitos por uma novata", afirmou a lutadora em conversa com fãs promovida pelo site Seattle Times.

"Foi difícil avaliar alguma coisa naquela luta. Acho que a Bethe não está nem perto do nível de quem ela estava enfrentando, então ela cometeu alguns erros ruins. Na minha opinião, ela simplesmente não é muito boa", finalizou.

Caso seja confirmada como desafiante, Miesha fará a terceira luta de sua carreira contra Ronda. A primeira aconteceu em 2012, quando 'Rowdy' tomou de 'Cupcake' o cinturão do Strikeforce com uma chave de braço em 4m27s de duelo. Na revanche, a campeã defendeu o título do UFC ao finalizar a rival da mesma maneira, mas no terceiro assalto.

É justamente por causa do tempo que dividiu o cage com Ronda que Miesha acredita ser a maior ameaça ao reinado da norte-americana.

"Agora eu conheço melhor as tendências e os movimentos básicos dela. Antes da segunda luta, eu não sabia muito bem o que esperar porque as lutas dela eram muito rápidas principalmente por causa de seu estilo único", disse.

"Acho que o elemento surpresa é um grande fator, e acho que tenho algumas coisas em meu arsenal que não tinha antes, e a Ronda nunca foi desafiada da maneira como vou desafiar. Ela sabe que eu sou a maior ameaça ao título dela agora, e estou pronta para lutar. Estou muito focada em não cometer os mesmos erros. Eu ofereci todas as quedas que a Ronda conseguiu. Isso foi burrice e eu não vou fazer isso de novo", completou a atleta. 

Visite a UFC Store
Baixe o aplicativo do UFC
Siga o WhatsAPP UFC e fique por dentro das notícias