Pular para o conteúdo principal
Eventos

Motivos para ver o UFC Phoenix

Nesta semana, o domingo vai ser dia de UFC! Confira os motivos para começar a semana assistindo ao card do UFC Phoenix. 

LAS VEGAS, NV - JULY 9: Cain Velasquez prepares to fight Travis Browne during the UFC 200 event at T-Mobile Arena. (Photo by Rey Del Rio/Getty Images)
O retorno de Cain

Esse com certeza é o maior assunto em relação ao card deste domingo. Ex-campeão peso-pesado e considerado um dos melhores lutadores da história da categoria, Cain Velasquez finalmente fará seu retorno após mais de dois anos sem lutar.

Diversas lesões e cirurgias deixaram o lutador afastado por 30 meses, mas sua aura de um dos atletas mais temidos da categoria não foi apagada. Tanto que ele volta contra um ex-desafiante e perigoso nocauteado, Francis Ngannou.

Como será que Velasquez vai se comportar dentro do Octógono depois de tanto tempo? Voltando de seu hiato anterior, que começou em 2013 e terminou em 2015, o atleta foi finalizado por Fabricio Werdum, retornando apenas em 2016 para nocautear Travis Browne.

DETROIT, MI - DECEMBER 02:  (L-R) Francis Ngannou of Cameroon punches Alistair Overeem of The Netherlands in their heavyweight bout during the UFC 218 event inside Little Caesars Arena on December 02, 2017 in Detroit, Michigan. (Photo by Josh Hedges/Zuffa
Ngannou reconstruindo o caminho

Como já citamos, Ngannou é um ex-desafiante da categoria mais pesada do UFC. O camaronês chegou à organização em 2015 e, depois de nocautear cinco oponentes, finalizando outro, foi premiado com uma disputa de cinturão contra o então campeão Stipe Miocic.

Depois de ser derrotado por decisão no title shot, Ngannou foi superado também por Derick Lewis antes de se recuperar e nocautear Curtis Blaydes em sua mais recente aparição.

Ainda figurando no top 5 da divisão, Ngannou não está muito longe de se credenciar para uma nova disputa de título. Uma vitória sobre um dos pesos-pesados mais temidos dos últimos tempos certamente ajudaria em sua campanha.

Em 17 de fevereiro, o UFC desembarca em Phoenix, nos Estados Unidos, com um duelo de pesos-pesados na luta principal entre o nocauteador Francis Ngannou e o ex-campeão Cain Velasquez.

Brasil

Mais um Gracie no Octógono

Kron Gracie é filho de Rickson Gracie, neto de Hélio Gracie, e o mais novo nome do peso-pena do UFC. Integrante da família mais importante da história do esporte, o carioca baseado nos EUA é o quinto Gracie a pisar no Octógono.

Como não poderia deixar de ser, o jiu-jítsu é o ponto forte do jogo de Kron. Nas quatro lutas que fez como atleta de MMA, ele finalizou três no primeiro round, e a mais recente chegou ao segundo round.

Voltando ao esporte depois de dois anos sem competir, Kron encara Alex Caceres no card principal do evento. Será que veremos um Gracie dominar novamente?

KANSAS CITY, MO - APRIL 15:  Aljamain Sterling celebrates his victory over Augusto Mendes of Brazil in their bantamweight fight during the UFC Fight Night event at Sprint Center on April 15, 2017 in Kansas City, Missouri. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Z
Disputas entre ranqueados

O UFC Phoenix terá ainda algumas batalhas entre atletas ranqueados em suas respectivas categorias. No peso-palha feminino, Cynthia Calvillo (#12) enfrenta Cortney Casey (#11) em batalha que pode definir quem ganha algumas posições na categoria.

Já no peso-galo, Jimmie Rivera (#5) e Aljamain Sterling (#7) tentam chegar mais próximos do embolado topo da categoria reinada por TJ Dillashaw.

A segunda luta principal é uma disputa válida no peso-leve