Pular para o conteúdo principal
/themes/custom/ufc/assets/img/default-hero.jpg

Olho Neles! As promessas do TUF Finale

Evento acontece na sexta-feira, dia 7 de julho, em Las Vegas

Julho é sempre repleto de ação no octógono e neste ano não será diferente, com cinco eventos, mais de 50 lutas e o lançamento do “Dana White Tuesday Night Contender Series”.
Com uma tonelada de grandes eventos na agenda e muitas histórias para seguir antes e depois de cada um dos cards, existem muitos atletas para apresentar ao público entre agora e o começo de agosto, e farei o meu melhor nesta coluna para colocar os holofotes naqueles que vocês realmente precisam conhecer daqui para frente.
Aqui está um olhar sobre um talentoso trio para assistir no TUF 25 Finale, evento que abre o próximo mês.
Confira o card completo do evento
Olho Neles!

Justin Gaethje
Se você está fazendo uma lista dos atletas mais constantemente empolgantes do esporte, você precisa incluir Gaethje, o novato invicto de 28 anos do UFC, que busca fazer uma boa primeira impressão na divisão dos leves no duelo contra Michael Johnson em 7 de julho.
Gaethje surgiu como promessa no World Series of Fighting nos últimos quatro anos, onde conquistou 10 vitórias consecutivas, sendo nove nocautes ou finalizações, e conquistando o título dos leves da organização após superar nomes como Gesias Cavalcante, Melvin Guillard e Brian Foster.
Apesar de sólido no wrestling, o pupilo de Trevor Wittman sempre deixa sua luta agarrada em segundo lugar, priorizando sua trocação, seu poder de nocaute e brincando de “quem tem o melhor queixo?” com qualquer um que o desafie.
Johnson deve ser um bom parceiro de dança, o que significa que esta é uma boa candidata à Luta do Ano, além de dar a todos a chance de entender onde Gaethje se encaixará nesta talentosa categoria peso-leve.

Drakkar Klose
Há dois anos, enquanto conversava com John Crouch da MMA Lab em busca de uma matéria, o respeitado treinador rasgou elogios aos talentosos atletas que não estavam no UFC mas que eram parceiros de treino que exigiam o máximo de suas estrelas.
Klose era um destes caras.
Oriundo do wrestling, ele se manteve invicto no circuito regional e seguiu desta forma com uma vitória dominante sobre Devin Powell em sua estreia no UFC, em janeiro. Agora, Klose terá a chance de chamar ainda mais atenção em confronto contra outra promessa, Marc Diakiese.
Klose não vai impressioná-lo com o mesmo tipo de ataque “estilo videogame” que Diakiese traz ao octógono, mas ele é extremamente técnico e com ótimo condicionamento físico, e tem o tipo de agressividade que sufoca qualquer um que não esteja pronto para lutar 15 minutos em alto ritmo.
Agora que está enfrentando um grande desafio no maior palco do mundo, não fique surpreso se Klose provar por que Crouch falou tão bem dele nos últimos anos.
Aspen Ladd
Um dos maiores talentos a surgirem no Invicta FC, Ladd está escalada para fazer sua estreia no UFC contra Jessica Eye em um duelo que pode consolidá-la como a principal promessa da divisão peso-galo e colocá-la de cara no Top 15 da categoria.
A lutadora de 22 anos venceu as cinco primeiras lutas de sua carreira, todas elas pelo Invicta FC, e quatro por nocaute ou finalização. Ela finalizou a finalista do TUF Amanda Cooper em sua segunda luta profissional e provou que é um nome a ser guardado ao continuar dominando suas adversárias com suas incansáveis quedas e agressivo ground and pound.
Eye vem de quatro derrotas seguidas, mas dividiu o octógono com algumas das melhores da divisão e tem significativa vantagem em experiência, mas é exatamente isso que faz dessa uma grande oportunidade para Ladd.
Poucos estreantes têm a chance de pisar no octógono para enfrentar um veterano experiente em suas primeiras lutas, mas é isso que ela fará no dia 7 de julho, e, se conseguir ampliar sua sequência de vitórias, esteja pronto para ouvir muito sobre Aspen Ladd se tornando o futuro da divisão peso-galo.
Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube | Visite a UFC Store | Baixe o aplicativo do UFC