Pular para o conteúdo principal
/themes/custom/ufc/assets/img/default-hero.jpg

Olho Neles! As promessas do UFC 211

Selecionamos três atletas que podem despontar no evento do próximo sábado

A semana da luta para o evento mais aguardado do ano (até o momento) chegou, e o card principal do UFC 211 terá tantas lutas intrigantes quanto qualquer outro, com duas disputas de cinturão, um duelo que pode definir o desafiante ao cinturão dos meio-médios e dois confrontos que podem servir como “a passagem do bastão” para uma nova geração que vem chegando cada vez mais forte.
Mais UFC 211: Cinco motivos para não perder | Bate-Estaca tem a senha para vencer Joanna | Campeã prega respeito | A dupla jornada de Miocic | Quem vai parar Joanna Jedrzejczyk? | A dura missão de Junior Cigano | Cigano fala em nocautear | Treinador de Miocic analisa revanche | As 5 maiores lutas de Miocic | TOP 10: maiores lutas de Cigano
Mas a excelência não será exclusividade do card principal, já que o preliminar também terá encontros de qualidade e alguns lutadores em ascensão com potencial de se tornarem grandes nomes em um futuro próximo.
Aqui estão estes atletas.
Olho Neles!

David Branch
A primeira passagem de David Branch pelo UFC foi de quatro lutas em nove meses, com duas vitórias e duas derrotas e uma clara indicação do que o faixa-preta de Renzo Gracie precisava melhorar para ter sucesso no mais alto nível do esporte. Seis anos e dois meses após sua última aparição no octógono, o peso-médio de 35 anos volta e deve empolgar os fãs em seu retorno.
Desde o final de sua primeira passagem, Branch somou 12 vitórias e uma derrota, conquistando os cinturões dos médios e dos meio-pesados no World Series of Fighting durante uma sequência de 10 triunfos consecutivos que permanece intacta entrando no duelo do próximo sábado contra Krzysztof Jotko. Ele se comparou com a lenda do boxe Bernard Hopkins e quer igualar o sucesso que “B-Hop” após os 35 anos, quando os demais lutadores começam a entrar em declínio.
Jotko é um teste perfeito neste momento, uma vez que o atleta de 27 anos vem de cinco vitórias seguidas e se consolidou como uma das principais ameaças na divisão dos médios. Caso despache o embalado polonês, Branch se afirma no Top 10 e se coloca em posição para desafios maiores na categoria.

Enrique Barzola
Após vencer o TUF América Latina 2 entre os pesos-pena, Barzola sofreu uma derrota por decisão dividida para Kyle Bochniak em Vancouver, um resultado em que os fãs presentes na Rogers Arena acharam equivocado.
A maneira como um lutador de recupera de uma situação como essa pode dizer muito sobre ele, e ao invés de se abalar com sua primeira derrota no UFC, o peruano voltou ao octógono em menos de três meses e passou por Chris Avila, voltando à coluna das vitórias com decisão unânime na Cidade do México.
Escalado para encarar Gabriel Benitez neste final de semana em Dallas, o atleta de 28 anos busca uma sequência de vitórias no grande palco e provar que o revés contra Bochniak foi uma aberração. Ele mostrou grande evolução entre cada uma de suas três aparições no octógono e, caso esse padrão continue, Barzola pode muito bem cumprir sua missão e dar mais um passo adiante na equilibrada divisão peso-pena.
Gadzhimurad Antigulov
Se você é um fã de lutas e procura sangue novo na divisão meio-pesado, você vai querer se familiarizar com este nome, porque Gazhimurad Antigulov será presença nos rankings da divisão em um futuro próximo.
Em sua estreia no octógono, no último mês de novembro, ele precisou de apenas 67 segundos para finalizar Marcos Pezão, levando-o ao chão nos primeiros 20 segundos antes de fazer um ótimo trabalho puxando para a guarda ao encaixar uma guilhotina para definir o combate. A vitória foi sua 12ª seguida e o colocou em posição para encarar Joachim Christensen neste final de semana.
Com uma divisão dos meio-pesados que sempre está em busca de novos nomes, uma peformance semelhante contra Christensen pode colocar Antigulov na via rápida rumo a grandes lutas no segundo semestre de 2017.
Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube | Visite a UFC Store | Baixe o aplicativo do UFC