Pular para o conteúdo principal

PREVISÕES UFC FLÓRIDA: MACHIDA x ROMERO

O veterano do UFC e WEC, Dan Downes, fala sobre estratégia e previsões para o UFC Fight Night: Machida vs. Romero, que acontece neste sábado, 27 de junho

Não há nada de segunda divisão nas lutas deste fim de semana, e você nem precisará de um visto para assistir! Ao vivo direto do Seminole Hard Rock Hotel and Casino temos o UFC Fight Night. Na luta principal da noite, o ex-campeão meio-pesado Lyoto Machida espera manter sua relevância na categoria até 84 kg contra o astro peso-médio Yoel Romero. Na penúltima luta da noite, os brigadores Santiago Ponzinibbio e Lorenz Larkin batalham.
- Assine o Canal Combate e não perca nenhum detalhe do UFC
HACRAN DIAS VS. LEVAN MAKASHVILI

Começamos o card principal na categoria peso-pena com Hacran Dias e Levan Makashvili. Depois de duas derrotas seguidas, Dias voltou com uma vitória por decisão sobre Darren Elkins em dezembro. Um golpeador poderoso porém impreciso, ele defende 80% das quedas. Um lutador cansativo que procura quedas, Makashvili venceu sua estreia no UFC sobre Mark Eddiva. É um encontro de trocador vs. grappler e Dias mantém a distância para levar a decisão.

THIAGO SANTOS VS. STEVE BOSSE

Agora damos um salto existencial aos peso-médios com Thiago Santos e Steve Bosse. Um duro batedor com cinco lutas acabando no primeiro round, Santos tenta manter seu momento desde que venceu Andy Enz em menos de dois minutos no UFC 183. Um ex-jogador de hóquei com vitórias sobre Houston Alexander e Marvin Eastmann, “The Boss” Steve Bosse tem oito nocautes em sua carreira.

Bosse não luta desde maio de 2013, e isso é muito tempo fora para encarar alguém como Santos. Bosse irá entrar agressivo, mas a superioridade de Santos ficará aparente em pouco tempo. Santos por nocaute técnico no primeiro round.

ANTONIO CARLOS JUNIOR VS. EDDIE GORDON

Nos mantemos entres os pesos-médios para Antonio Carlos Junior e Eddie Gordon. Vencedor do TUF Brasil, Junior “Cara de Sapato” tem um jogo de luta agarrada tão impressionante quanto seu queixo. Depois de vencer Vitor Miranda, perdeu para Patrick Cummins em dezembro. Eddie Gordon pode ter vencido a temporada 19 do The Ultimate Fighter, mas foi uma estrada difícil desde então. Ele perdeu duas lutas seguidas contra Josh Samman e Chris Dempsey, e realmente precisa de uma vitória.

Nenhum dos dois possuem um jogo em pé que chamaríamos de espetacular. Ambos têm poder de nocaute nas mãos, mas com precisão por volta de 30%. Cara de Sapato pode ter o jiu-jitsu superior, mas ele terá dificuldades no wrestling contra Gordon. Eles passarão muito tempo no clinche, e essa é uma batalha boa para Gordon, que usará o wrestling para levar decisão unânime.

SANTIAGO PONZINIBBIO VS. LORENZ LARKIN

Descemos para os meio-médios para Santiago Ponzinibbio e Lorenz Larkin. O argentino Ponzinibbio tem duas vitórias consecutivas sobre Wendell Oliveira e Sean Strickland. Um ex-astro do Strikeforce, Lorenz “The Monsoon” Larkin teve uma difícil estadia no UFC. Ele tem um cartel de duas vitórias e quatro derrotas no octógono, mas está em um bom momento após o nocaute no primeiro round sobre John Howard em janeiro.

Não há dúvida que Larkin é tecnicamente superior. Na verdade, Larkin tem sido tecnicamente superior na maioria de suas lutas no UFC. Infelizmente para ele, lutas não são sempre vencidas com técnica. Muitas vezes falta agressividade e acaba deixando a lutar vir a ele. Isso pode ser um problema contra alguém como Ponzinibbio, mas ele leva a vitória aqui. Ponzinibbio sai na frente. Ele pode nocauteá-lo rapidamente, ou ir se esgotando nos últimos rounds. Larkin é inteligente demais para ser surpreendido no primeiro round. Ele vence essa por decisão.

LYOTO MACHIDA VS. YOEL ROMERO

Hora da luta principal! Podemos estar alguns anos após a Era Machida, mas Lyoto Machida ainda é uma força relevante. Fazendo um rápido retorno desde sua derrota em abril para Luke Rockhold, “O Dragão” procura voltar à coluna das vitórias. Número seis no ranking peso-médio, Yoel Romero pode se credenciar para desafiar o cinturão. Medalhista olímpico de prata em luta livre olímpica, o “Soldado de Deus” possui muito poder em suas mãos. Ele vem de um nocaute controverso sobre Tim Kennedy, mas pode eliminar todos os duvidosos com uma vitória.

Ouvimos muito sobre o wrestling de Romero. Alguns jovens escritores mencionam isso no primeiro parágrafo sobre esta luta. O fato é, porém, nunca vimos essa transição para seu jogo de MMA. Suas tentativas de quedas podem ser desleixadas e sua taxa de quedas é de 35.71%. Pessoas falam sobre Machida estar envelhecendo, mas ele é na verdade mais jovem que Romero. Machida pode ter perdido um passo, mas eu ainda confio em seu contra-ataque sobre a ofensiva de Romero. Machida vence por nocaute no terceiro round.