Pular para o conteúdo principal

Rafael dos Anjos, o show está começando

Carioca venceu Anthony Pettis e é o primeiro brasileiro campeão dos leves


"O show acabou", disse Rafael dos Anjos logo depois de passar cinco rounds batendo no ex-campeão Anthony Pettis e se tornar o primeiro brasileiro campeão dos leves – em clara referência ao apelido de Pettis, “Showtime”. Mas dos Anjos está errado! Para os fãs que acompanharam os cinco rounds da luta principal do UFC 185, a sensação é que o show apenas começou.
dos Anjos domina Anthony Pettis e é o primeiro brasileiro campeão dos leves

Rafael dos Anjos decidiu se mudar para os Estados Unidos em 2012, pensando em se dedicar apenas aos treinos. A mudança em seu estilo de luta coincide com a vida longe do Brasil, e com os treinos com o mestre Rafael Cordeiro, da academia Kings MMA.

O campeão de jiu-jitsu mostrou uma grande evolução no muay-thai, aprimorou seu boxe e vem apresentando um grande volume de luta nas suas últimas apresentações. Ele consegue misturar perfeitamente explosão com condicionamento para lutar cinco rounds. Na madrugada deste domingo, parecia que ele aguentaria outros dez assaltos.

Sempre considerado azarão, os holofotes começaram a focar dos Anjos quando ele conseguiu uma vitória sensacional contra o ex-campeão Ben Henderson. Uma joelhada voadora e uma saraivada de socos no primeiro round. "Estou evoluindo meu muay thai, aprimorando meu jogo, sei que vou conquistar o cinturão", disse ele, em agosto de 2014.

A luta seguinte foi contra Nate Diaz. Um lutador experiente e muito famoso nos Estados Unidos, que tem um bom boxe e é faixa preta de jiu-jitsu. Mas o brasileiro mostrou que merecia a chance de disputar o cinturão e bateu no norte-americano por três rounds. "Foi uma atuação impressionante, ele está pronto para lutar pelo título", disse Joe Rogan na ocasião.

Quando o confronto contra Anthony Pettis foi anunciado, em janeiro, dos Anjos apareceu, mais uma vez, como zebra, mas ele seguia confiante. "Já até sonhei com o Bruce Buffer falando meu nome, dizendo que a categoria tem um novo campeão", contou ele em conversa com o UFC Brasil.
Assine o Canal Combate e saiba tudo do UFC

E aconteceu. Na madrugada deste domingo Rafael dos Anjos entrou para a história do UFC como o primeiro brasileiro campeão dos leves. Mais que isso, fez uma excelente apresentação no octógono, daquelas para ninguém colocar defeito ou falar que foi apenas um golpe de sorte.

Com o cinturão nas mãos, ele abraçou sua esposa e os dois filhos, que pela primeira vez assistiram uma luta ao vivo. Enquanto o novo campeão comemorava, o mestre Rafael Cordeiro contava um pouco da estratégia. "A gente sabia que não podia deixar o Pettis explodir, ele não poderia começar a gostar da luta. E o Rafael fez isso perfeitamente".

Poucos reparavam que ele estava mancando de uma perna, o andar lento poderia ser explicado pelos 25 intensos minutos de luta. Mas para coroar, ainda mais, o título, dos Anjos disse que sofreu uma lesão no joelho antes do confronto, escondeu do UFC, e até diminuiu o ritmo de treino alguns dias.

O Brasil agora tem mais um campeão, junto com José Aldo, nos penas, e Fabrício Werdum, interino nos pesados. E, Rafael dos Anjos, que fique bem claro: o seu show está apenas começando.