Pular para o conteúdo principal
Resultados

Resultados | UFC Austin: Kattar x Emmett

Confira todos os resultados do evento que acontece neste sábado (18), nos Estados Unidos

Um duelo entre dois atletas empolgantes do peso-pena liderou o card do UFC Austin, evento que aconteceu neste sábado (18), nos Estados Unidos. Josh Emmett venceu Calvin Kattar por decisão dividida em um combate de cinco rounds. Confira todos os resultados do evento abaixo.

Josh Emmett vence Calvin Kattar por decisão dividida

Depois de um combate muito parelho, o Josh Emmett saiu com a vitória na luta principal do UFC Austin. Confira o que o peso-pena disse!

Na luta principal do UFC Austin, Josh Emmett aumentou para cinco a sua sequência de vitórias após vencer Calvin Kattar por decisão dividida.

Os juízes marcaram 48-47, 48-47 e 47-48 para Emmett, agora 18-2. Kattar caiu para 23-6.

Com ambos sabendo do poder do rival na luta em pé, os pesos-pena fizeram um round de abertura bem estudado, com cada um tendo pequenos momentos de ação.

Emmett abriu o 2° round com golpes sólidos de direita, mas Kattar absorveu todos eles e continuou indo para cima com seu jab, adicionando boas combinações no fim que deixaram Emmett bem machucado. Emmett foi para cima no minuto final, mas Kattar respondia bem.

Os golpes de direita de Emmett continuaram entrando no 3° round, com o californiano mostrando maior urgência e atividade no Octógono. Katttar buscava as cotoveladas na curta distância, mas levava a pior na troca de golpes.

Os cotovelos de Kattar voltaram a trabalhar no 4° assalto e ele passou a se impor. Emmett buscava roubar o round com bons ganchos, mas Kattar se mantinha firme.

Nos cinco minutos finais, ambos estavam com o rosto bem machucado, mas nenhum deles recuava tendo uma luta tão parelha. Por fim, dois dos três juízes deram a vitória para Emmett.

Kevin Holland finaliza Tim Means no 2° round

Kevin Holland comemora sua vitória no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Kevin Holland comemora sua vitória no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


Um dos lutadores favoritos do público, Kevin Holland teve outra grande performance no peso meio-médio e finalizou Tim Means no 2° round.

Os lutadores trocaram golpes no início e Means conseguiu uma queda. Holland se levantou e acertou alguuns golpes duros, obrigando o rival a buscar o clinch. Holland acertou uma boa combinação e Means respondeu. Ambos trocaram provocações e tiveram bons momentos nos cinco primeiros minutos.

Holland acertou uma forte esquerda que atordoou Means no 2° round. A luta foi para o chão e o texano de números finais com um triângulo de mão a 1m28s cravados no relógio.

Joaquin Buckley vence Albert Duraev por nocaute técnico (interrupção médica)

Joaquin Buckley comemora sua vitóra no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Joaquin Buckley comemora sua vitóra no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


Joaquin Buckley mostrou sua melhor forma ao vencer Albert Duraev por nocaute técnico após interrupção médica no 3° round.

Com menos de um minuto de luta, Buckley deixou Duraev atordoado, mas ele se recuperou. Duraev começou a crescer no combate e fez um corte do rosto do norte-americano, mas Buckley permanecia mais agressivo. O norte-americano acertou mais golpes fortes no rival e um deles causou um grande inchaço no olho de Duraev.

Duraev levava a pior no 2° round e buscou derrubar o rival, mas Buckley estava com a defesa em dia e acertava golpes na região do olho inchado. Faltando dois minutos, Duraev finalmente levou a luta pro chão, mas ambos voltaram a ficar em pé e Buckley conseguiu outro knockdown.

Buckley não precisaria lutar no terceiro round, já que após uma interrupção médica aos 10 segundos, o médico encerrou o duelo.

Buckley foi para 15-4, enquanto Duraev caiu para 15-4.

Damir Ismagulov vence Guram Kutateladze por decisão dividida

Damir Ismagulov golpeia Guram Kutateladze no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Damir Ismagulov golpeia Guram Kutateladze no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


Uma luta de alto nível terminou com a vitória de Damir Ismagulov sobre Guram Kutateladze por decisão dividida.

Os juízes marcaram 30-27, 29-28 e 28-29 no duelo. Ismagulov agora vai para 24-1, enquanto Kutateladze vai para 12-3.

A movimentação de Ismagulov deu a ele a vantagem inicial, já que os golpes entravam de forma eficiente. Kutateladze, porém, conseguiu travar o rival na grade e acertar fortes golpes, que atordoaram Ismagulov. 

Kutateladze tinha o rosto bem machucado por conta dos jabs de Ismagulov, mas ainda acertava bons chutes e levava a melhor na trocação na curta distância.

Ismagulov tentou algumas boas quedas no 3° round, mas Kutateladze defendeu e manteve a luta em pé. Após mais duas tentativas, ele conseguiu botar a luta no chão, mas logo ficaram em pé. O árbitro Herb Dean chamou a atenção de Kutateladze por um golpe supostamente ilegal, mas no replay ficou provado que a joelhada foi no peito de Ismagulov. Faltando 20 segundos, os dois pouco fizeram e o duelo terminou nas mãos dos juízes.

Gregory Rodrigues nocauteia Julian Marquez no 1° round

De volta ao caminho das vitórias! Veja o que Gregory Rodrigues disse no Octógono após vencer no UFC Austin!

Foi uma luta insana no peso-médio, que terminou com a vitória de Gregory Rodrigues por nocaute contra Julian Marquez no round de abertura.

O braileiro começou forte com seus golpes, derrubando Marquez com uma forte esquerda. O norte-americano levantou, mas continuou a receber diversas sequências de Gregory e mais uma vez foi ao solo. Novamente, Marquez levantou e conseguiu um knockdown, mas Rodrigues se levantou, pressionou e derrubou mais uma vez o rival, obrigado o árbitro Mike Beltran a parar o duelo aos 3m18 do 1° round.

Gregory vai para 12-4 com a vitória. Marquez cai para 9-3.

Adrian Yanez nocauteia Tony Kelley no 1° round

Adrian Yanez comemora a vitória no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Adrian Yanez comemora a vitória no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


A promessa do peso-galo Adrian Yanez vem se tornando realidade. O lutador precisou de apenas um round para nocautear Tony Kelley.

Yanez estava acertando os golpes desde o início e a situação piorou para Kelley, que foi cada vez mais cedendo a defesa. Um knockdown seguido de uma saraivada de golpes fez com que o árbitro Kerry Hatley interrompesse o duelo aos 3m49s do round de abertura.

Com a vitória, Yanez vai para 16-3. Kelley, que não bateu o peso para a luta, cai para 8-3.

Natália Silva vence Jasmine Jasudavicius por decisão unânime

Uma estreia para ninguém botar defeito. Confira como foi a entrevista de Natalia Silva após a vitória no Octógono do UFC Austin!

Lutando pela primeira vez desde 2019, a estreante Natália Silva impressionou e dominou Jasmine Jasudavisious em três rounds.

Os juízes pontuaram 30-26, 30-27 e 30-27 para a brasileira, agora 13-5-1. Jasudavicius foi para 7-2.

Natália balançou a canadense no primeiro minuto e Jasmine passou a usar o jogo de grade. A brasileira se manteve calma e escapou, mantendo a luta em pé e impondo seu ritmo, utilizando a distância para acertar os golpes.

A mineira continuou a acertar a rival com golpes e passou a levar o duelo para o chão quando queria. Jasmine tentava ir para o clinch, mas a brasileira escapava e mantinha o volume de golpes alto para dar problemas para a rival. Uma nova queda seguida de cotoveladas quase fez com que o árbitro parasse o duelo, mas a canadense resistiu. Nos cinco minutos finais, mais domínio da brasileira, que saiu com a vitória.

Jeremiah Wells nocauteia Court McGee no 1° round

Jeremiah Wells comemora sua vitória no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Jeremiah Wells comemora sua vitória no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


Jeremiah Wells é mais um meio-médio que está conquistando seu espaço no Octógono. Ele nocauteou o veterano Court McGee no 1° round e agora acumula três vitórias seguidas.

Wells se mostrou agressivo desde o começo e estava acertando os melhores golpes, mas um gancho de esquerda levou McGee à lona. Ele ainda teve tempo de acertar dois golpes antes do árbitro Herb Dean interromper o duelo na marca de 1m34s.

Wells agora foi para 11-2-1, enquanto McGee caiu para 22-11.

Ricardo Ramos nocauteia Danny Chavez no 1° round

Uma cotovelada rodada cravou mais uma vitória de Ricardo Ramos no Octógono! Confira o que ele disse na entrevista após a luta no UFC Austin.

Quatro anos depois, Ricardo Ramos repete o feito de nocautear alguém com uma cotovelada rodada. O brasileiro não deu chances a Danny Chavez e fechou a fatura no 1° round.

Depois de se estudarem no primeiro minuto, Ramos acertou a cotovelada rodada e Chavez foi à lona. O árbitro Mike Beltran imeadiatamente parou a luta a 1m12s do 1° round.

Ramos vai para 16-4 em seu cartel com a vitória. Chavez caiu para 11-5-1.

Maria Oliveira vence Glória de Paula por decisão dividida

Ela conquistou a primeira vitória no Octógono! Confira o que disse Maria Oliveira após vencer no UFC Austin!

No duelo brasileiro do card, Maria Oliveira venceu Glória de Paula por decisão dividida.

Dois juízes pontuaram 29-28 para Maria, agora 13-5 no cartel. Glória, que teve um 29-28 a seu favor, foi para 6-5.

Maria foi para cima desde o começo, acertando boas combinações na rival. Glória absorvia bem os golpes e tentava contra-atacar, conseguindo impor mais seu ritmo no fim dos cinco minutos iniciais.

Glória voltou melhor no 2° round e manteve o bom ritmo, conseguindo inclusive uma queda. Maria, porém, voltou forte no 3° round e acertou lindos golpes na rival, vencendo o duelo na opinião de dois dos três juízes.

Cody Stamann nocauteia Eddie Winneland no 1° round

Cody Stamann golpeia Eddie Wineland no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Cody Stamann golpeia Eddie Wineland no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


Uma blitz de Cody Stamann em Eddie Wineland encerrou o duelo entre ambos com um nocaute técnico no 1° round.

Stamann mostrou desde o começo que queria manter a ltua em pé e conseguiu dois knockdowns no primeiro minuto. Wineland se levantou em ambos, mas uma sequência de golpes fez com que o árbitro Jacob Montalvo parasse o duelo com 59s.

Stamann agora tem o cartel de 20-5-1. Wineland, que tirou suas luvas no Octógono depois da luta, o que pode significar sua aposentadoria, foi para 24-16-1.

Phil Hawes nocauteia Deron Winn no 2° round

Phil Hawes acerta uma cotovelada em Deron Winn no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Phil Hawes acerta uma cotovelada em Deron Winn no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


O prospecto Phil Hawes teve a sua performance mais devastadora no UFC ao nocautear Deron Winn no 2° round.

O jab de Hawes estava afiado e logo ele conseguiu um knockdown. Um golpe de direita voltou a derrubar Winn e Hawes sobrava no combate, conseguindo conectar todos os golpes que soltava no rival. Winn tentava sobreviver e dar chutes nas pernas para impedir a aproximação, mas as cotoveladas de Hawes entravam limpas.

O peso-médio voltou agressivo no 2° round e passou a variar com chutes altos. Ele conseguiu uma queda, mas Winn levantou e ambos trocaram golpes. Winn cada vez menos reagia e após uma sequência, o árbitro Herb Dean resolveu interromper o duelo aos 4m25s.

Roman Dolidze nocauteia Kyle Daukaus no 1° round

Roman Dolidze nocauteia Kyle Daukaus no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)

Roman Dolidze nocauteia Kyle Daukaus no UFC Austin. (Foto por Josh Hedges/Zuffa LLC)


O peso-médio Roman Dolidze trouxe tudo para o Octógono neste sábado, nocauteando Kyle Daukaus em apenas 73 segundos.

Um golpe de esquerda de Dolidze derrutou Daukaus nos 30 segundos iniciais. O norte-americano conseguiu ficar em pé, mas uma joelhada na cabeça fez com que ele voltasse ao solo. Dessa vez, Dolidze trabalhou o ground and pound e o árbitro interrompeu o duelo com 1m13s de luta.

Dolidze vai para 10-1 no cartel, enquanto Daukaus caiu para 11-3, 1 NC.

UFC Austin: Kattar x Emmett

Card Principal

Peso-pena: Josh Emmett venceu Calvin Kattar por decisão dividida (48-47, 47-48, 48-47).

Peso meio-médio: Kevin Holland venceu Tim Means por finalização (triângulo de mão) a 1m28s do 2° round.

Peso-médio: Joaquin Buckley venceu Albert Duraev por nocaute técnico (interrupção médica) aos 10s do 3° round.

Peso-leve: Damir Ismagulov venceu Guram Kutateladze por decisão dividida (30-27, 28-29, 29-28).

Peso-médio: Gregory Rodrigues venceu Julian Marquez por nocaute aos 3m18s do 1° round.

Peso-galo: Adrian Yanez venceu Tony Kelley por nocaute técnico aos 3m49s do 1° round.

Card Preliminar

Peso-mosca: Natalia Silva venceu Jasmine Jasudavicious por decisão unânime (30-26, 30-27, 30-27).

Peso meio-médio: Jeremiah Wells venceu Court McGee por nocaute a 1m34s do 1° round.

Peso-pena: Ricardo Ramos venceu Danny Chavez por nocaute a 1m12s do 1° round.

Peso-palha: Maria Oliveira venceu Gloria de Paula por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28).

Peso-galo: Cody Stamann venceu Eddie Wineland por nocaute técnico aos 59s do 1° round.

Peso-médio: Phil Hawes venceu Deron Winn por nocaute técnico aos 4m25s do 2° round.

Peso-médio: Roman Dolidze venceu Kyle Daukaus por nocaute a 1m13s do 1° round.