Pular para o conteúdo principal
Resultados

Resultados | UFC Vegas 56: Volkov x Rozenstruik

Confira os resultados oficiais do UFC Vegas 56: Rozenstruik x Volkov

O russo Alexander Volkov venceu Jairzinho Rozenstruik por nocaute técnico no 1º round na luta principal do UFC Vegas 56, neste sábado (4) no UFC Apex, em Las Vegas. Confira todos os resultados do evento abaixo.

Alexander Volkov nocauteia Jairzinho Rozenstruik no 1º round

Alexander Volkov nocauteia Jairzinho Rozenstruik na luta principal do UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

No duelo de pesos-pesados que liderou o UFC Vegas 56 neste sábado no UFC Apex, Alexander Volkov mostrou disposição para a trocação franca com Jairzinho Rozenstruik. A estratégia valeu a pena, e o russo ampliou seu cartel para 35-10 com um nocaute sobre atleta do Suriname no 1º round após absorver alguns duros golpes e não dar chance de recuperação para o adversário ao conectar uma direita letal.

Movsar Evloev vence Dan Ige por decisão unânime

Movsar Evloev golpeia Dan Ige no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

O invicto peso-pena Movsar Evloev deu conta do recado na luta mais importante de sua carreira, dominando Dan Ige por três rounds a caminho de uma vitória por decisão unânime. Os placares foram 30-27, 30-27 e 30-26 para Evloev, que amplia seu cartel para 16-0. Dan Ige cai para 15-6.

Ige começou a luta com uma boa combinação de jab e direto que chamou a atenção de Evloev, mas na metade do assalto inicial, uma joelhada voadora do russo igualou o placar. O golpe parece ter aumentado a confiança de Evloev, que em seguida derrubou Ige. O norte-americano se levantou rapidamente, mas foi novamente derrubado. Ige batalhou e eventualmente conseguiu separação do oponente.

A joelhada de Evloev conectou novamente no 2º round, e as marcas da batalha começaram a aparecer no rosto de Ige, que continuou a resistir. O russo aplicou nova queda e agrediu no chão, ampliando sua vantagem.

A luta voltou ao chão no início do último round com Evloev controlando as ações primeiro das costas e em seguida por cima. Ige não conseguiu se livrar dos ataques do russo. Ele se levantou a 30 segundos do fim mas foi derrubado novamente antes do fim do combate.

Lucas Almeida nocauteia Michael Trizano no 3º round

Lucas Almeida comemora após vencer Michael Trizano no UFC Vegas 56

Lucas Almeida causou uma bela primeira impressão em sua estreia no Octógono, nocauteando o vencedor do The Ultimate Fighter Michael Trizano no 3º round em luta pelo peso-pena.

Lucas teve sucesso de início com sua trocação, especialmente seus chutes, mas na reta final, Trizano conectou um gancho de esquerda que balançou o brasileiro, adicionando uma joelhada e levando-o ao chão. Uma sequência de golpes se seguiu, abrindo um corte na testa de Lucas, que sobreviveu até o final do round.

Lucas voltou ao trabalho no segundo, conectando boas combinações. No meio do assalto, um golpe de esquerda levou Trizano ao chão, e aí foi a vez de o brasileiro tentar encerrar o combate. Quando Lucas atacou Trizano no chão, uma cabeçada acidental abriu um corte na testa do norte-americano, mas após observação média, ele pôde continuar no combate.

No primeiro minuto do último round, outra esquerda levou Trizano para o chão, e desta vez Lucas esvaziou o tanque e desferiu golpes suficientes para que o árbitro Mark Smith interrompesse o duelo aos 55 segundos.
 
Lucas amplia seu cartel para 14-1. Trizano cai para 10-3.

Karine Silva finaliza Poliana Botelho no 1º round

Karine Silva comemora após finalizar Poliana Botelho no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

A revelação do Dana White's Contender Series Karine Silva impressionou em sua estreia no Octógono, finalizando Poliana Botelho no 1º round.

Após um início de luta estudado, Karine conectou um golpe duro de direita, que teria derrubado Poliana se não fosse pela entrada de queda aplicada imediatamente. Karine seguiu agressiva, golpeando para abrir caminho para o triângulo de mão, que obrigou Poliana a bater em desistência a cinco segundos do fim do round inicial.

Com a vitória, Karine amplia seu cartel para 15-4. Poliana cai para 8-5.

Ode' Osbourne nocauteia Zarrukh Adashev no 1º round.

Ode' Osbourne nocauteia Zarrukh Adashev no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

Ode’ Osbourne continuou seu bom momento em Las Vegas, conquistando a segunda vitória seguida ao nocautear Zarrukh Adashev no 1º round.

Adashev tentou encontrar a distância no início, mas um contragolpe do jamaicano o levou ao chão, e uma sequência de socos obrigou o árbitro Keith Peterson a interromper a luta na marca de 1m01s.

Osbourne amplia seu cartel para 11-4, 1 SR. Adashev cai para 4-4.

Alonzo Menifield nocauteia Askar Mozharov no 1º round

Alonzo Menifield nocauteia Askar Mozharov no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

Na luta que abriu o card principal, Alonzo Menifield conseguiu uma vitória dominante sobre Askar Mozharov, nocauteando o oponente no 1º round.

Menifield atacou Mozharov com um golpe de direita assim que a luta começou e levou o estreante ao chão. O norte-americano foi paciente com seu ataque no solo, enquanto Mozharov não mostrou muito esforço para tentar se levantar. A 90 segundos do fim do assalto, ele voltou a ficar em pé, mas foi novamente derrubado em seguida. Menifield conseguiu prender Mozharov no crucifixo e aplicou uma série de cotoveladas, obrigando Herb Dean a intervir aos 4m40s do round inicial.

Com a vitória, Menifield amplia seu cartel para 12-3. Mozharov cai para 19-13.

Karolina Kowalkiewicz finaliza Felice Herrig no 2º round

A última vitória da ex-desafiante ao cinturão peso-palha Karolina Kowalkiewicz havia sido em 2018 sobre Felice Herrig. Mais de quatro anos depois, ela repetiu a dose, desta vez finalizando no 2º round.

Herrig começou com velocidade em um primeiro round disputado no centro do Octógono, mas Karolina respondeu e levou vantagens com golpes precisos.

No segundo, Herrig tentou se recuperar, mas após Karolina absorver seus ataques, ela quase se viu presa em um mata-leão da polonesa quando a luta foi ao chão. Herrig se libertou, mas Kowalkiewicz se manteve em suas costas, desferiu golpes e encerrou a luta com sua segunda tentativa de mata-leão.

Com a vitória, Karolina amplia seu cartel para 13-7. Herrig, aos 37 anos, anunciou sua aposentadoria após o combate, encerrando a carreira com um cartel de 14-10.

Joe Solecki vence Alex da Silva por decisão majoritária

Joe Solecki e Alex da Silva trocam golpes no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

Em uma divertida luta pelo peso-leve, a dedução de um ponto no 2º round custou o que poderia ser um empate para Alex da Silva, com o resultado oficial sendo de vitória por decisão majoritária para Joe Solecki. Os placares foram 28-28, 28-27 e 29-27 para Solecki, que amplia seu cartel para 12-3. Alex cai para 21-4.

Alex derrubou Solecki com um golpe de esquerda na primeira trocação, e apesar de o norte-americano ter se recuperado rapidamente, ele ficou de costas no chão, com o brasileiro por cima. Alex trabalhou bem por boa parte do assalto, mas Solecki quase encaixou um estrangulamento. Alex se libertou e manteve a posição de dominância até o final.

No round dois, Solecki levou a luta para o chão e rapidamente pegou as costas do brasileiro em busca de um mata-leão. Ele não conseguiu, mas Alex teve um ponto deduzido pelo árbitro por prender os dedos na grade repetidas vezes.

Alex manteve a luta em pé em boa parte do último round e teve vantagem na trocação, mas o 2 round acabou se provando decisivo para a vitória de Solecki.

Damon Jackson vence Dan Argueta por decisão unânime

Damon Jackson comemora após vencer Dan Argueta no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

O veterano peso-pena Damon Jackson ampliou sua sequência de vitórias para três com um triunfo por decisão unânime sobre o estreante Daniel Argueta. Os placares foram 30-27, 30-27 e 29-28 para Jackson, que amplia seu cartel para 21-4-1, 1 Sr. Argueta, que entrou como substituto de última hora para Darrick Minner, perde a invencibilidade e fica com 8-1.

Com menos de 20 segundos de luta, Jackson levou o estreante ao chão e pegou suas costas. Argueta golpeou o adversário para tentar escapar, mas Jackson permaneceu calmo em busca do estrangulamento. Mas Argueta não se rendeu e terminou o assalto em posição de superioridade.

Jackson pegou um agressivo Argueta com uma joelhada no início do 2º round e os dois voltaram ao chão, com Jackson nas costas de Argueta. A menos de dois minutos do fim, Jackson conectou algumas duras cotoveladas que obrigaram Argueta a se mexer, e com menos de um minuto, ele se libertou e usou seus golpes para pressionar Jackson contra a grade.

No assalto final, Argueta tentou uma pressão e teve bons momentos, mas nos últimos instantes da luta, Jackson voltou a controlar pelas costas, garantindo uma trabalhosa vitória.

Benoit Saint Denis finaliza Niklas Stolze no 2º round

Benoit Saint Denis comemora após vencer Niklas Stolze no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

O francês Benoit Saint Denis entrou na coluna das vitórias do UFC pela primeira vez finalizando Niklas Stolze no 2º round em duelo pelo peso-leve.

Aos 30 segundos de luta, Saint Denis levou Stoltze ao chão após absorver uma joelhada no rosto, e apesar de o alemão ter conseguido se levantar, foi colocado para baixo novamente momentos depois, e Saint Denis pegou suas costas, encaixando um mata-leão que poderia ter encerrado o combate se o gongo não soasse.

Stolze quase conseguiu o próprio estrangulamento no início do 2º round, mas sua guilhotina foi bem defendida por Saint Denis. Em seguida, o francês foi para as costas novamente e desta vez não deixou o mata-leão escapar, encerrando o combate em 1m32s.

Com a vitória, Saint Denis amplia seu cartel para 9-1, 1 SR. Stolze cai para 12-6.

Tony Gravely nocauteia Johnny Muñoz no 1º round

Tony Gravely nocauteia Johnny Munoz no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

Tony Gravely precisou de pouco tempo para despachar Johnny Muñoz em duelo pelo peso-galo, vencendo por nocaute em apenas 68 segundos de combate.

Após um rápido estudo no início, Muñoz buscou a queda, mas encontrou um contragolpe de direita no caminho e foi ao chão. Gravely percebeu seu adversário atordoado e conectou mais alguns socos, obrigado o árbitro Chris Tognoni a encerrar o combate com 1m08s.

Gravely amplia seu cartel para 23-7 e Muñoz cai para 11-2.

Jeff Molina vence Zhalgas Zhumagulov por decisão dividida

Jeff Molina conecta chute em Zhalgas Zhumagulov no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

O embalado prospecto peso-mosca Jeff Molina levou a melhor sobre Zhalgas Zhumagulov por três equilibrados rounds e saiu vitorioso em decisão dividida dos jurados.

Zhumagulov e Molina trocaram mãos no início, com o atleta do Cazaquistão saindo na frente e encurralando o adversário na grade para buscar a queda. Com 1m40s no relógio, Molina se desvencilhou, mas Zhumagulov não recuou e seguiu jogando golpes. Molina conseguiu contragolpear, mas Zhumagulov encerrou o round com um forte chute na perna.

O 2º round também foi parelho, com Molina sendo capaz de defender os ataques de Zhumagulov e aplicando bons golpes. Mas no fim do assalto, um golpe de esquerda de Zhumagulov acertou Molina, fazendo-o dobrar as pernas.

A tendência se manteve no 3º, com cada lutador tendo seus bons momentos, mas quando os jurados entregaram as papeletas, pontuaram 30-27, 29-28 e 28-29 para Molina, que amplia seu cartel para 11-2. Zhumagulov cai para 14-7.

Rinat Fakhretdinov vence Andreas Michailidis por decisão unânime

Rinat Fakhretdinov comemora após vencer Andreas Michailidis no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

Em duelo pelos meio-médios, o estreante Rinat Fakhretdinov levou a melhor sobre Andreas Michailidis por decisão unânime. Os placares foram 30-26, 30-26 e 30-27 para Fakhretdinov, que amplia seu cartel para 19-1. Michailidis cai para 13-6.

Fakhretdinov grudou em Michailidis imediatamente, e apesar de o grego ter segurado na grade em algumas oportunidades, a luta foi ao chão. Michailidis se levantou e segurou a grade mais algumas vezes antes de se libertar, mas Fakhretdinov manteve a pressão. Michailidis eventualmente se acomodou à luta e se defendeu bem, mas o russo seguiu sendo mais agressivo.

Fakhretdinov levou a luta ao solo no início do 2º round e a manteve lá até que Michailidis se levantou a 30 segundos do fim. No início do último assalto, eles voltaram ao chão, e Fakhretdinov adicionou alguns duros golpes ao seu controle, fazendo o adversário sangrar. O árbitro Mark Smith avisou ao grego para que reagisse, e Michailidis conseguiu se levantar a um minuto do fim, mas não havia tempo para mudar o resultado do confronto.

Erin Blanchfield finaliza JJ Aldrich no 1º round

Erin Blanchfield finaliza JJ Aldrich com guilhotina no UFC Vegas 56 (Chris Unger/Zuffa LLC)

Houve ação de alto nível no primeiro round, mas a vantagem provavelmente foi de Aldrich, que esquivou de alguns chutes altos e usou seu grappling para controlar o ritmo e levar a luta para o chão quando não conseguia algo concreto em pé.

Aldrich conseguiu outra queda no segundo minuto do 2º round, mas Blanchfield se levantou imediatamente, e após Aldrich cair quando ambas colidiram, a atleta de Nova Jersey encaixou uma guilhotina em pé, encerrando o combate aos 2m38s.

Blanchfield amplia seu cartel para 9-1 com a vitória. Aldrich cai para 11-5.

UFC Vegas 56: Volkov x Rozenstruik

Card Principal

Peso-pesado: Alexander Volkov venceu Jairzinho Rozenstruik por nocaute técnico aos 2m12s do 1º round.

Peso-pena: Movsar Evloev venceu Dan Ige por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-26).

Peso-pena: Lucas Almeida venceu Michael Trizano por nocaute técnico aos 55s do 3º round.

Peso-mosca: Karine Silva venceu Poliana Botelho por finalização (triângulo de mão) aos 4m55s do 1º round.

Peso-mosca: Ode Osbourne venceu Zarrukh Adashev por nocaute a 1m01s do 1º round.

Peso meio-pesado: Alonzo Menifield venceu Askar Mozharov por nocaute técnico aos 4m40s do 1º round.

Card Preliminar

Peso-palha: Karolina Kowalkiewicz venceu Felice Herrig por finalização (mata-leão) aos 4m01s do 2º round.

Peso-leve: Joe Solecki venceu Alex da Silva por decisão majoritária (28-28, 28-27, 29-27).

Peso-pena: Damon Jackson venceu Daniel Argueta por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28).

Peso-leve: Benoit Saint Denis venceu Niklas Stolze por finalização (mata-leão) a 1m32s do 2º round.

Peso-galo: Tony Gravely venceu Johnny Muñoz por nocaute a 1m08s do 1º round.

Peso-mosca: Jeff Molina venceu Zhalgas Zhumagulov por decisão dividida (28-29, 29-28, 30-27).

Peso meio-médio: Rinat Fakhretdinov venceu Andreas Michailidis por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-27).

Peso-mosca: Erin Blanchefield venceu JJ Aldrich por finalização (guilhotina) aos 2m38s do 2º round.