Pular para o conteúdo principal
/themes/custom/ufc/assets/img/default-hero.jpg

Ricardo Carcacinha tem boa estreia e vence no card preliminar do UFC Houston

Brasileiro bateu o japonês Michinori Tanaka por decisão unânime

 
Ricardo Carcacinha teve uma noite inesquecível em sua estreia no Ultimate. O brasileiro, descoberto por Dana White no reality show “Lookin’ for a Fight”, fez um grande primeiro round e quase nocauteou o japonês Michinori Tanaka, mas foi na decisão dos juízes que o atleta de 21 anos sacramentou seu início na organização com o pé direito.

Garanta já o seu ingresso para o UFC Fortaleza, em 11 de março

"Estou muito feliz! Foi uma luta dura e dei o meu melhor. Quero agradecer a todos que torceram por mim. Fui surpreendido pela força dele. Não achei que ele fosse tão forte e tive que fazer mudanças durante a luta, mas essa vitória prova que é aqui onde eu pertenço. Farei de tudo para continuar crescendo e quero o conquistar o cinturão um dia, mas isso é mais do que apenas um cinturão - é a minha jornada", comentou.

Carcacinha começou bem, tirando vantagem de sua envergadura e derrubando Tanaka com um forte golpe de direita no primeiro round. No restante do combate, no entanto, o japonês cresceu e ambos os atletas variaram bons e maus momentos. Tanaka chegou a ameaçar o brasileiro com um bom ground and pound no final do terceiro round, mas não foi o suficiente e conheceu sua segunda derrota consecutiva na organização.

Mais UFC Houston: Resultados da pesagem | Conheça as novas promessas brasileiras | Bermudez aposta na experiência | Zumbi Coreano promete fazer jus a apelido | Cinco motivos para não perder | Olho Neles! | 10 melhores lutas em fevereiro

Virada espetacular!

Niko Price já pode ser considerado um novo "show man" no Ultimate. Depois de fazer uma grande luta em sua estreia contra Brandon Thatch, o norte-americano teve pela frente Alex Morono vindo em grande fase - e não decepcionou. Depois de sofrer um knockdown no primeiro round e quase ser derrotado, o meio-médio conseguiu uma bela recuperação e nocauteou o rival no final do segundo round com uma bela sequência de golpes

"Eu não fui bem no primeiro e não gostei disso. Joguei o gancho, porque vi que ele estava se abaixando muito e acertei. Eu não me importo com quem vou enfrentar, fiquem de olho em mim", comentou o meio-médio, que engata a segunda vitória em duas lutas no Ultimate.

Joelhada mortal!

Khalil Rountree entrou no octógono do UFC Houston pressionado pelas duas derrotas sofridas no Ultimate, mas o pupilo de Anderson Silva soube lidar bem com a pressão e nocauteou Daniel Jolly de maneira avassaladora. O meio-pesado defendeu uma tentativa de queda de seu rival e desferiu uma joelhada violentíssima, apagando Jolly na mesma hora.

"O antigo Rountree não existe mais. É esporte para dois homens no fim do dia quer me machucar. Tenho que entrar no octógono, pensar na minha família e ficar saudável. Eu fiquei olhando, esperando ele se levantar para que eu acertasse a joelhada. Fiquei de olho na oportunidade e nocauteei", comentou no octógono.

Confira os resultados do card preliminar do UFC Houston:

Curtis Blaydes derrotou Adam Milstead por nocaute técnico no segundo round
Chas Skelly derrotou Chris Gruetzemacher por finalização no segundo round
Ricardo Carcacinha derrotou Michinori Tanaka por decisão unânime (30-27, 29-28 e 29-28)
Tecia Torres derrotou Bec Rawlings por decisão unânime (triplo 30-27)
Niko Price derrotou Alex Morono por nocaute no segundo round
Khalil Rountree Jr. derrotou Daniel Jolly por nocaute no primeiro round

Assine o Combate | Siga o canal do UFC no YouTube | Visite a UFC Store | Baixe o aplicativo do UFC