Pular para o conteúdo principal
Stephan Bonnar 1977 - 2022

Stephan Bonnar 1977 - 2022

Relembrando o Hall da Fama do UFC e finalista da 1ª temporada do The Ultimate Fighter

A família UFC está triste com o trágico falecimento do Hall da Fama do UFC Stephan Bonnar na última quinta-feira, devido a complicações no coração enquanto trabalhava.

Ele tinha 45 anos.

"Stephan Bonnar foi um dos lutadores mais importantes que já competiram no Octógono", disse o presidente do UFC, Dana White. "A luta dele contra Forrest Griffin mudou o esporte para sempre e ele nunca será esquecido. Os fãs o amavam, eram próximos a ele e ele sempre deu a eles o seu melhor. Sentiremos saudades".

Um pioneiro, que se apresentou aos fãs na primeira temporada do The Ultimate Fighter, em 2005, Bonnar fez junto de Forrest Griffin uma das maiores lutas de todos os tempos na final do programa, que mais tarde entraria no Hall da Fama do UFC na ala das lutas.

"Eu sabia que era uma boa luta durante a luta", disse Bonnar sobre os três rounds épicos. "Me veio essa certeza quando todo mundo começou a bater os pés no chão e me deu a sensação de que todo o lugar estava estremecend. E isso foi durante o segundo round. Eu estava tipo 'ooooh, isso aqui está muito bom'".

Mais do que isso, a luta entre Griffin e Bonnar pode ter salvado o UFC, já que ela levou a uma nova temporada do TUF e apresentou o esporte a um nova geração de fãs.



"Tudo mudou", disse Bonnar. "Eu não achei que teria uma carreira no UFC. Era um hobby que eu praticava, então isso mudou tudo. XDa noite para o dia, eu virei uma celebridade. Em todos os lugares que eu ia, alguém me reconhecia, até mesmo em locais pequenos. Eu estava viajando com a Tapout e estávamos em uma cidade pequena. Fui fazer uma corrida e então alguém em uma pickup disse 'Ei, Bonnar'. Em qualquer lugar que eu ia, alguém me conhecia. Foi demais".

(L-R) Stephan Bonnar and Forrest Griffin react after their historic three-round battle during the Light Heavyweight Final bout during the live Ultimate Fighter Season Finale at the Cox Pavilion on April 9, 2005 in Las Vegas, Nevada. (Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC)

Stephan Bonnar e Forrest Griffin comemoram após o fim da final do meio meio-pesado da 1ª temporada do The Ultimate Fighter.. (Foto por Josh Hedges/


Mas a carreira de Bonnar não terminou por ali, já que o lutador empolgou os fãs durante os próximos sete anos, derrotando nomes como James Irvin, Keith Jardine, Krzysztof Soszynski, Igor Pokrajac e Kyle Kingsbury. 

Ele também enfrentou o companheiro de Hall da Fama do UFC Forrest Griffin, Jon Jones, Rashad Evans, Mark Coleman, Anderson Silva e Tito Ortiz antes de encerrar a carreira com um cartel de 17-9. Independente da vitória, derrota  ou empate, você sempre podia contar que Bonnar deixaria tudo de si no Octógono na noite de luta, nunca descansando em sua missão de ser uma das figuras mais importantes na história do UFC.

"Foi como uma pequena lição", disse Bonnar sobre sua luta na semifinal contra Griffin. "Se você nunca desiste, você não pode falhar de verdade. Aquilo foi um exemplo perfeito. Dê tudo de si e algo bom virá disso".

A família UFC manda suas sinceras condolências à família e amigos de Stephan Bonnar.