Pular para o conteúdo principal

Supersticioso, Jones não leva cinturão para o octógono

Campeão dos meio-pesados diz que não quer incentivar rivais a vencê-lo


Você já se perguntou porque o campeão dos meio-pesados Jon Jones não leva seu cinturão para o octógono? O norte-americano explicou ao site MMAFighting que não usa o tão cobiçado objeto no dia da luta por uma simples superstição.

Antes de enfrenta o ex-campeão Maurício Shogun, em 2011, Jones estava ansioso para o confronto, mas ficou mais tranquilo quando já estava no octógono e viu o cinturão do brasileiro nas mãos do irmão Murilo Ninja. “Para um desafiante, aquela cena era como beber muita água antes de ir para o deserto”, disse o atual campeão.

Jones explicou ainda que ficar perto do cinturão o encorajou ainda mais a vencer a luta e não deixá-lo escapar. “Todo meu nervosismo foi embora. Me torneio um superhumano em alguns segundos, acho que isso me deu forças para derrotar Shogun daquela forma”.

Na ocasião, Jones ainda era um desafiante pouco conhecido, mas passou três rounds surrando Shogun. O brasileiro não conseguiu esboçar nenhum tipo de reação e terminou nocauteado. Desde então, Jones já acumula sete vitórias e é considerado um doa melhores lutadores peso-por peso.

Seu próximo confronto será contra o compatriota Daniel Cormier no UFC 182, em 3 de janeiro de 2015.