Pular para o conteúdo principal

Treinador de Cain Velasquez desabafa: "As pessoas esquecem como ele é bom"

Velasquez se prepara para revanche contra Fabrício Werdum


Com 13 vitórias e apenas duas derrotas na carreira, Cain Velasquez está se preparando para uma revanche bastante aguardada contra o atual campeão dos pesados, o brasileiro Fabrício Werdum. A próxima luta entre os dois atletas ainda não tem local e data definida, mas o que incomoda Javir Mendez, treinador principal de Velasquez, é a falta de reconhecimento dos fãs.
"Os fãs não percebem o quão bom ele é, porque ele não vai ficar falando enquanto está fora. Você não vai ter noção do quão bom ele é ou lembrar como ele é bom só pelo fato de ele ficar falando entre as lutas. Ele tem que lutar. Se ele não está lutando, as pessoas esquecem como ele é bom", disse Mendez ao site americano da ESPN.

Assine o Canal Combate | Ingressos à venda para o UFC SP
Nos últimos três anos, o ex-campeão esteve nos octógonos somente três vezes, um índice abaixo daquele considerado ideal para sua equipe. Aos 33 anos, o atleta americano de origem mexicana também tem enfrentado algumas lesões.

"Adoraria que ele lutasse três ou quatro vezes por ano. Se ele puder manter saudável e lutar seguidamente, acho que ele iria gostar de fazer isso", ponderou Mendez. No primeiro encontro entre Velasquez e Werdum, em junho, o brasileiro saiu vitorioso, após uma bela guilhotina aplicada no terceiro round do UFC 188.
Visite a UFC Store

Baixe o aplicativo do UFC