Pular para o conteúdo principal
Eventos

UFC 242: Motivos para ver

Evento acontece neste sábado (7), com transmissão ao vivo e exclusiva do Combate a partir das 11h da manhã (horário de Brasília)

Após a passagem pela China no último final de semana, o Octógono desembarca em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, neste sábado (7), com a disputa pelo cinturão dos pesos-leves entre Khabib Nurmagomedov e Dustin Poirier na luta principal do UFC 242. Abaixo, listamos as principais razões pelas quais você não vai querer perder este card.

O retorno a Abu Dhabi

Uma das cidades mais importantes para o mundo das artes marciais na atualidade, Abu Dhabi, o berço do ADCC, e onde o jiu-jítsu faz parte do currículo das escolas, receberá seu terceiro evento do Ultimate na história, e o primeiro desde 2014.

A organização já se comprometeu a visitar os Emirados com maior regularidade: a partir de 2019, o Octógono viajará a Abu Dhabi anualmente até 2023, sempre com grandes cards como o deste final de semana para satisfazer o anseio do apaixonado público local de ver boas lutas de perto.

O maior desafio da carreira de Khabib

Invicto em 27 lutas, Khabib Nurmagomedov já é considerado por alguns o melhor artista marcial misto da atualidade. Após sua primeira defesa de cinturão com vitória sobre Conor McGregor, no entanto, o russo pode estar diante do desafio mais difícil de sua carreira.

As principais estrelas do #UFC242 ficaram frente a frente durante o Media Day. O evento acontece nesse sábado (7), em Abu Dhabi, com transmissão Ao Vivo do Canal Combate, a partir das 11h (horário de Brasília).

Brasil

Dustin Poirier, atual campeão interino dos 70kgs, vive fase impressionante. Em suas últimas quatro lutas, venceu três ex-campeões do Ultimate, e conquistou três vitórias por nocaute. Depois de superar Max Holloway de forma dominante no UFC 236, há quem veja o “Diamante” como a kryptonita de Nurmagomedov.

A reedição de um clássico

Há quatro anos, Edson Barboza e Paul Felder se encontraram pela primeira vez no Octógono e protagonizaram um clássico com 15 minutos de trocação, vencido pelo brasileiro, e pelo qual receberam o prêmio de Luta da Noite. A expectativa para a revanche, neste sábado, é a de mais um duelo explosivo.

Edson não vive sua melhor fase na organização, com três derrotas nas últimas quatro lutas. Entretanto, o alto nível dos algozes do brasileiro faz com que ele se mantenha firme no Top 10 da divisão, e ansioso por uma oportunidade de provar que ainda pertence à elite de uma das categorias mais disputadas da organização.

Para isso, ele terá que frear o ímpeto do “Dragão Irlandês”, que vê neste duelo uma chance de ouro para mostrar que está chegando forte na briga por uma disputa de cinturão.

Brasil x Rússia

Os outros dois brasileiros do card têm confrontos com circunstâncias parecidas. Vindos de boas sequências de vitórias, Davi Ramos e Diego Ferreira encaram adversários russos e igualmente embalados. O compromisso de Davi, que tem quatro vitórias consecutivas, é contra Islam Makhachev, tem soma cinco; já o combate de Diego, que também tem quatro triunfos seguidos, é diante de Mairbek Taisumov, que venceu as últimas sete.

O UFC 242 terá transmissão ao vivo e exclusiva do Canal Combate neste sábado (7), a partir das 11h da manhã (horário de Brasília).