Pular para o conteúdo principal
Confira todos os resultados do UFC 254
Resultados

UFC 254: Todos os resultados

Acompanhe em tempo real um resumo de todas as lutas deste sábado (24)

O Octógono volta a ser montado neste sábado (24) na Ilha da Luta, em Abu Dhabi, para receber os duelos do UFC 254. Na luta principal do evento, os pesos-leves Khabib Nurmagomedov e Justin Gaethje ficarão frente a frente para decidir quem é o dono do cinturão da categoria. O card ainda terá o brasileiro Alex Oliveira. Confira abaixo um resumo de todas as lutas:

Khabib finaliza Gaethje e mantém o cinturão

Ele mostrou mais uma vez que é o dono do cinturão dos leves! Khabib Nurmagomedov teve mais uma performance impecável e conseguiu manter o título da categoria ao finalizar Justin Gaethje com um triângulo no segundo round. Após a vitória, claramente emocionado, o russo anunciou sua aposentadoria do esporte e fez uma linda homenagem ao pai, terminando sua carreira no MMA invicto com 29 vitórias.

"Obrigado a todos esses caras que estiveram comigo por mais de dez anos. Minha equipe, o treinador Javier, todo o meu time. Hoje, quero dizer que essa foi minha última luta. Não há possibilidade de eu voltar aqui sem meu pai. Foi a primeira e última vez depois do que aconteceu com meu pai. Conversei com minha mãe por três dias e ela não quer que eu lute sem ele. Prometi a ela que seria minha última luta e manterei minha palavra. Seguirei isso."

Robert Whittaker vence guerra contra Cannonier

Foi um lutão! Robert Whittaker e Jared Cannonier travaram um duelo intenso e estudado durante 15 minutos, com o neozelandês levando a melhor a decisão unânime dos juízes. Whittaker se movimentava melhor e acertava mais golpes na cabeça, enquanto Cannonier buscava atrapalhar a movimentação do ex-campeão com chutes nas pernas. Whittaker chegou a conseguir um knockdown após um lindo chute alto no começo do terceiro round, mas o duelo se estendeu até o fim do tempo programado.

"Acho que foi uma luta muito boa. Eu tinha uma boa estratégia, eu e meu time trabalhamos nela durante o camp e ela funcionou de forma perfeita aqui. Acho que controlei a luta inteira. Ele é um cara duro e mostrou isso do começo ao fim. Foi um privilégio enfrentá-lo."

Volkov supera Harris no segundo round

Alexander Volkov dominou o duelo contra Walt Harris. O russo mostrou maior variedade e precisão na luta em pé e conseguiu o nocaute no segundo round. Volkov acertou um chute frontal na linha de cintura do rival, que acusou o golpe e se encolheu. O russo então foi pra cima e deu números finais ao duelo com uma forte sequência de socos.

"Eu esperava vencê-lo no segundo round, mas isso quase aconteceu no primeiro. O pessoal diz que ele é um dos melhores strikers da divisão, mas eu mostrei que isso não é verdade. Ele não encostou em mim nessa luta. Agora eu quero um nome grande, como o Cigano ou o Overeem. Tanto faz. Vou voltar para casa e treinar para a próxima luta."

Philip Hawes nocauteia em 18 segundos

Foi uma estreia memorável. Philip Hawes precisou de apenas 18 segundos para nocautear Jacob Malkoun no card principal do UFC 254. Hawes cercou o seu adversário logo no começo e conseguiu um knockdown. Logo em seguida, houve uma nova troca de golpes e o lutador acertou o queixo do seu rival em cheio, dando números finais ao duelo. Foi o segundo nocaute mais rápido em uma estreia no peso médio na história do UFC.

"Estou muito feliz da maneira como foi. É apenas a confirmação do trabalho duro e de Deus. Acreditar em Deus, em mim mesmo e na minha equipe. Estou cercado de grandes pessoas na Sanford MMA e do meu treinador de boxe, então é a confirmação do bom trabalho desses caras."

Lauren Murphy finaliza Shakirova

Lauren Murphy continua sua caminhada rumo ao posto de desafiante ao cinturão peso mosca. A lutadora finalizou a estreante Liliya Shakirova em grande estilo com um mata-leão preciso no segundo round do duelo. Foi a quarta vitória consecutiva da norte-americana, a primeira por finalização em toda a sua carreira.

"Eu quero lutar pelo cinturão na próxima. Quero uma chance de enfrentar a campeã, seja ela quem for. Parem de me subestimar. Sou a quinta no ranking, não sou? Então por qual motivo isso acontece? Sou uma veterana desse esporte. Já fiz tudo e já vi de tudo e acho que as pessoas não vão me observar apenas pelo meu passado."

Ankalaev nocauteia Cutelaba

Desta vez não restaram dúvidas. Magomed Ankalaev nocauteou Ion Cutelaba de forma brutal no primeiro round da luta de abertura do card principal do UFC 254. O russo já havia conseguido um knockdown com um bom golpe de esquerda e logo em seguida acertou um cruzado que derrubou o moldavo novamente. Bastou então a Ankalaev acertar uma sequência frenética no ground and pound para o juiz interromper o duelo.

"Agora eu finalmente poderei dormir bem. Foram seis meses no camp de treinamento, então provei hoje que fiz um ótimo trabalho durante esse período. Eu queria nocauteá-lo, queria acabar com tudo em um contra-ataque, e foi o que fiz. Acho que todos na minha divisão estavam de olho nessa luta. Vou atrás da elite, então espero que eles estejam preparados para mim."

Tuivasa nocauteia Struve

Na luta que fechou o card preliminar do evento, Tai Tuivasa mostrou mais uma vez o poder de seus punhos e nocauteou Stefan Struve no segundo final do primeiro round. O peso-pesado encurtou a distância e pressionou Stuve contra a grade, acertando um golpe de direita na têmpora do holandês, que caiu praticamente sem reação.

"Ele é um cara grande, então eu sabia que tinha que encurtar a distância e o resto iria acontecer naturalmente. Eu me concentrei totalmente nesse último ano. Créditos totais ao meu time pela minha apresentação. esse esporte tem altos e baixos e as pessoas são cruéis quando passamos por uma má fase, por isso agradeço demais à minha equipe."

Casey Kenney vence na decisão dos juízes

Na luta mais movimentada do card preliminar, Casey Kenney superou Nathaniel Wood por decisão unânime dos juízes. Os dois atletas mostraram um ótimo trabalho em pé e acertaram diversos golpes um no outro, mas o norte-americano foi mais preciso e conseguiu algumas quedas no terceiro assalto, tendo seu braço levantado ao final de 15 minutos.

"Estou aqui para ficar. Estou aqui para enfrentar os melhores da divisão e provei isso nas minhas duas últimas lutas. Achei que conseguiria derrubar Nathaniel nos primeiros rounds, mas ele resistiu. De qualquer forma, eu estava me divertindo na luta em pé."

Shavkat Rakhmonov finaliza Alex Oliveira

O brasileiro Alex Oliveira não teve um dia bom no Octógono. O Cowboy saiu derrotado no primeiro round contra Shavkat Rakhmonov após ser finalizado. O estreante aplicou uma sequência de golpes que atordoou o brasileiro e aproveitou um momento no clinch para encaixar uma guilhotina e sair com o braço levantado no dia de seu aniversário.

Jung e Alvey empatam

Um resultado atípico ocorreu no terceiro duelo do UFC 254. Da-un Jung e Sam Alvey fizeram uma luta muito equilibrada, que terminou em um empate dividido. Alvey acertou os melhores golpes nos dois primeiros rounds, mas Jung fez ajustes em seu jogo no terceiro assalto e acertou cotoveladas e diretos violentos no norte-americano, deixando o rival atordoado diversas vezes.

"Senti que não estava dentro do meu jogo hoje. Méritos do Sam Alvey, mas acho que eu poderia ter feito mais. Ele tinha uma movimentação boa com a cabeça e era difícil acertá-lo. Era melhor do que eu esperava, até mesmo quando o prendi na grade", disse Jung.

"Eu acho que dois dos juízes eram cegos, sendo honesto. Nós deveríamos mandar um médico até eles para ter certeza de que eles ainda têm suas retinas no lugar. Fora isso, não sei o que pensar. Preciso conseguir interrupções nas minhas lutas e isso não está acontecendo", falou Alvey.

Miranda Maverick vence em sua estreia

Miranda Maverick teve uma ótima estreia no Octógono. A lutadora superou Liana Jojua por nocaute técnico após uma interrupção médica no final do primeiro round. Maverick acertou uma forte cotovelada no nariz da rival, abrindo um corte profundo, e obrigando os médicos a interromperem o duelo para preservar a integridade física de Jojua.

"Eu queria mostrar que tenho mais habilidades do que apenas o jogo de chão. O pessoal diz que eu não sou completa. Como mostrei hoje, eu sou boa na luta em pé, só não costumo manter a luta assim. Por qual motivo preciso levar socos na cara se não tem essa necessidade? Estou pronta para aterrorizar essa divisão."

Joel Alvarez finaliza Yakovlev

Joel Alvarez continua mostrando ser um exímio finalizador. O lutador venceu Alexander Yakovlev com uma chave de braço ainda no primeiro round, na luta de abertura do evento. O russo buscou uma queda e conseguiu derrubar Alvarez logo no começo, mas o espanhol trabalhou bem as posições até encaixar a finalização e obrigar o rival a bater em desistência aos três minutos de combate.

"Me sinto muito bem. Essa é minha terceira vitória consecutiva e acho que venci todas de forma clara, mas agora eu quero descansar e cuidar de algumas lesões. Voltarei em breve, mais preparado, me sentindo melhor e conquistarei uma vitória ainda melhor na próxima."

Confira todos os resultados do UFC 254
Card Principal

Khabib Nurmagomedov venceu Justin Gaethje por finalização (triângulo) aos 1m34s do segundo round;

Robert Whittaker venceu Jared Cannonier por decisão unânime (triplo 29-28);

Alexander Volkov venceu Walt Harris por nocaute técnico aos1m15s do segundo round;

Philip Hawes venceu Jacob Malkoun por nocaute aos 18s do primeiro round;

Lauren Murphy venceu Liliya Shakirova por finalização (mata-leão) aos 3m31s do segundo round;

Magomed Ankalaev venceu Ion Cutelaba por nocaute aos 4m19s do primeiro round;

Card Preliminar

Tai Tuivasa venceu Stefan Struve por nocaute aos 4m59s do primeiro round;

Casey Kenney venceu Nathaniel Wood por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27);

Shavkat Rakhmonov venceu Alex Cowboy por finalização (guilhotina) aos 4m40s do primeiro round;

Da-un Jung e Sam Alvey terminou em empate dividido (29-28, 28-29, 28-28);

Miranda Maverick venceu Liana Jojua por nocaute técnico (interrupção médica) no intervalo do primeiro para o segundo round;

Joel Alvarez venceu Alexander Yakovlev por finalização (chave de braço) aos 3m do primeiro round.

Assine o Combate | Siga o UFC Brasil no Youtube