Pular para o conteúdo principal

TJ Dillashaw abre as portas para um confronto contra Urijah Faber

Saída do campeão da Team Alpha Male causou desconforto


Campeão peso-galo, TJ Dillashaw saiu da Team Alpha Male para treinar em uma academia no Colorado, o que causou desconforto com o líder da equipe californiana, Urijah Faber. Tanto que agora os ex-parceiros de treinos estão cogitando a possibilidade de medirem forças no octógono.

Presença constante no top 5 da categoria até 61kg, Faber sempre declarou que não aceitaria uma luta contra Dillashaw, a não ser que fosse uma oportunidade de transformar a vida do amigo, e a recíproca era verdadeira. Agora, o campeão vê uma abertura para enfrentar o mentor.

Leia mais: Faber diz que Dillashaw machucava companheiros de treino

“Não achei que seria assim até o Urijah começar a dizer as coisas que disse”, declarou TJ ao podcast The MMA Hour. “É ele que está falando que está mais do que disposto a me enfrentar. Eu achava que éramos amigos muito mais próximos, então dei meu coração e minha alma àquele time. É óbvio que ele está procurando uma grande luta. Eu não queria fazer isso, mas se eu serei o último grande feito da carreira dele, se precisa ser assim... Mas não era o que eu queria”.

Quando perguntado se aceitaria a luta imediatamente, Dillashaw pareceu hesitante.

“Sim, é provável”, afirmou, sendo curto e grosso ao ser questionado se acredita que venceria o ex-companheiro.

“Absolutamente”.

Dillashaw retorna ao octógono em 17 de janeiro de 2016, quando encara o ex-campeão Dominick Cruz na luta principal do retorno do UFC a Boston, Massachusetts (EUA).

Assine o Canal Combate
Ingressos à venda para o UFC São Paulo 
Visite a UFC Store
Baixe o aplicativo do UFC