Pular para o conteúdo principal

Thomas Almeida supera começo difícil e nocauteia rival de forma espetacular

Brasileiro segue invicto, com dezenove vitórias e vários nocautes


O Brasil teve apenas um representante no UFC 189, na noite deste sábado, em Las Vegas. Antes de entrar no octógono, Thomas Almeida chamou a responsabilidade, disse que conseguiria o nocaute e cumpriu sua promessa, nocauteando Brad Pickett no segundo round.
- Assine o Canal Combate e não perca nenhum detalhe do UFC

Apoiado pela torcida, Almeida começou mais lento, tentando estudar o adversário, mas sofrendo com os golpes, e terminou o primeiro round com o nariz sangrando. No intervalo, o treinador Diego Lima pediu para o brasileiro se movimentar mais quando o rival atacasse, e foi isso que aconteceu.

Depois de cair com alguns golpes no primeiro round, Almeida voltou para o segundo período mais agressivo. Em um golpe rápido e agressivo, típico do muay thai da academia Chute Boxe, ele puxou a cabeça do rival e conseguiu um nocaute com uma joelhada voadora. O golpe foi tão fulminante que o brasileiro nem continuou no ground and pound.

Uma das promessas do Brasil, Thomas Almeida segue invicto com dezenove vitórias e ótimos nocautes. Resta saber o que o presidente Dana White falará sobre o brasileiro.