Pular para o conteúdo principal
Resultados

Confira todos os resultados do UFC 256

Evento acontece neste sábado (12) em Las Vegas, e será liderado pela disputa do cinturão peso-mosca entre Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno

O UFC Apex, em Las Vegas, recebe neste sábado (12) o UFC 256, liderado pela disputa do cinturão peso-mosca entre Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno. Confira todos os resultados do evento.

Mais UFC 256: Deiveson empata com Moreno e mantém o cinturão | Charles dá aula contra Ferguson | Mackenzie vence Virna | Bônus da Noite

Deiveson e Moreno empatam, e brasileiro mantém cinturão

Em uma candidata à melhor luta do ano, Deiveson Figueiredo manteve o cinturão dos moscas após um empate majoritário com Brandon Moreno na última disputa de título de 2020. Após 25 minutos de pura ação, um dos jurados apontou vitória do brasileiro (48-47) e dois apontaram empate (47-47) - Deiveson teve um ponto deduzido no 3º assalto devido a um golpe baixo, o que lhe custou a vitória.

Charles do Bronx domina Tony Ferguson e vence a 8ª

Talvez na melhor performance de sua carreira, o brasileiro Charles "do Bronx" Oliveira conquistou a 8ª vitória consecutiva no Ultimate de forma enfática, dominando Tony Ferguson por três rounds, após o norte-americano ser salvo pelo gongo de uma justa chave de braço ao final do 1º assalto.

"Ninguém fez com Tony Ferguson o que eu fiz. Estou provado que tenho o que é preciso para ser campeão e vou ser campeão ano que vem", disse Charles.

Mackenzie supera Virna Jandiroba em luta equilibrada

O duelo entre as duas faixas-pretas de jiu-jítsu Mackenzie Dern e Virna Jandiroba foi praticamente inteiro decidido em pé; Mackenzie começou mais agressiva, conectando os melhores golpes no 1º round; Virna se recuperou, abriu um corte no nariz da adversária e se sobressaiu no 2º, mas caiu de rendimento e viu Dern crescer no último e decisivo assalto, levando a melhor na decisão dos jurados após 15 minutos de muita ação.

"Acho que mostrei que tenho muito coração, um nariz quebrado não vai me parar. Talvez as garotas no Top 10 pensem que a maneira de vencer Mackenzie é trocação e levar ela para águas profundas, porque a maioria das minhas vitórias são finalizações rápidas. São sentimentos mistos, eu conquistei o respeito de todos pela minha trocação, mas tudo bem se acharem que não sou tão boa, porque isso é tudo em que estou trabalhando. Acho que vou melhorar a cada luta, estou grata", disse Mackenzie.

Kevin Holland passa por Jacaré e vence a 5ª em 2020

A fase de Kevin Holland é realmente impressionante. Em sua 5ª luta em 2020, o norte-americano chegou à 5ª vitória e ao 4º nocaute ao superar Ronaldo Jacaré de forma brutal, com golpes por baixo na guarda. Esta é apenas a 3ª vez na história do Ultimate que um atleta faz 5-0 em um mesmo ano.

"Estou muito feliz com a maneira como as coisas aconteceram esse ano, mas é só o começo. Vi pessoas escrevendo na internet que eu não enfrentei competição dura esse ano, então vamos tentar fazer o mesmo no ano que vem com competição mais dura e então não vão poder falar nada, é isso o que eu quero", disse Holland.

Ciryl Gane vence Júnior Cigano por nocaute técnico

Taking Care Of Veteran Dos Santos, December 12, 2020 in Las Vegas, NV  (Photo by Jeff Bottari/Zuffa LLC)
Taking Care Of Veteran Dos Santos, December 12, 2020 in Las Vegas, NV (Photo by Jeff Bottari/Zuffa LLC)

O peso-pesado Ciryl Gane continua mostrando que veio para ficar no UFC, e manteve sua invencibilidade na carreira conquistando sua 7ª - e até hoje mais importante - vitória ao superar o ex-campeão Júnior Cigano por nocaute técnico no 2º round. Este foi o 4º triunfo do francês no Octógono.

"Sou grato ao UFC e muito grato ao Júnior dos Santos pela oportunidade. Estou feliz por terminar o ano dessa forma. Gosto de ficar em pé, no meu tempo, e entregar dessa maneira. Só quero lutar, só quero crescer, luta após luta. Não sei exatamente quem sou, se você me entende, eu estou só começando no MMA, então não sei até onde posso chegar, mas estou feliz e empolgado", disse Gane.

Cub Swanson aplica nocaute espetacular

Cub Swanson atinge Daniel Pineda com um soco no UFC 256

O veterano Cub Swanson provou que ainda tem muita lenha para queimar e após quase liquidar o duelo com Daniel Pineda no 1º round, fechou a conta em grande estilo no 2º com um nocaute espetacular.

"Eu precisava deixar meus golpes saírem, fluírem e me divertir. Nem sempre você faz isso, você se coloca tanta pressão, tenta bater o mais forte possível e não deixa acontecer. Esse era meu objetivo, não quis me aquecer demais, não quis me empolgar demais e entrar nessa zona maluca, só ir lá e fazer o que eu faço. Essa era a estratégia e essa era a mentalidade, e acho que consegui", disse Swanson.

Rafael Fiziev nocauteia Renato Moicano

Rafael Fiziev acerta soco em Renato Moicano no UFC 256

O duelo entre Rafael Fiziev e Renato Moicano começou com trocação franca no centro do Octógono, com ambos atletas colocando todo o peso em cada golpe. Após conectar alguns bons chutes nas pernas e no tronco do brasileiro, Fiziev conseguiu um poderoso cruzado de esquerda, definindo o duelo no 1º round e conquistando sua 3ª vitória seguida no UFC.

"Não importa quem, não importa onde, quero me manter ocupado. Quero mostrar meu potencial, quero conquistar os bônus todas as vezes, este é meu foco, Bônus, mais dinheiro, mais glória", disse Fiziev.

Gavin Tucker domina Billy Quarantillo

Em um movimentado duelo pelo peso-pena, o canadense Gavin Tucker levou a melhor sobre o norte-americano Billy Quarantillo após três rounds, vencendo por decisão unânime e conquistando seu 3º triunfo seguido no Octógono.

"Minha caixa de ferramentas já é grande há um tempo, mas tenho trabalhado com o grande David Patterson em utilizar todas essas ferramentas. Consegui mostrar algumas hoje. Sem desrespeito ao Billy, mas ele é um lutador estranho; Eu queria fazer uma luta limpa e bonita em pé, mas é difícil boxear contra um cara como ele. Estou feliz pela vitória, mas ao rever com certeza terá sido feia e dura", disse Tucker.

Tecia Torres consegue 1º nocaute da carreira

Tecia Torres golpeia Sam Hughes no UFC 256

A 10ª colocada no ranking peso-palha Tecia Torres teve uma de suas performances mais impressionantes no Octógono até aqui, despachando Sam Hughes por nocaute técnico ao final do 1º round devido a um problema no olho da adversária - o 1º nocaute da carreira de Tecia e sua 2ª vitória consecutiva no Octógono.

"Minha última vitória me deu embalo para lutar novamente, eu havia passado por uma má fase e estava lidando com um pouco de depressão. Saber que eu poderia vir aqui e ter performances como essa me dá mais ânimo para enfrentar uma oponente Top 5 e lutar pelo título um dia. Sinto que meu amor pelo esporte caiu com as derrotas, mas agora está de volta e estou muito empolgada pelo que vira em 2021. A divisão é muito grande, mas ao mesmo tempo muito pequena, tudo pode acontecer e eu estou no jogo", disse Tecia.

Chase Hooper consegue virada com chave de calcanhar

Chase Hooper finaliza Peter Barrett com uma chave de calcanhar no UFC 256

O promissor peso-pena Chase Hooper, de apenas 21 anos, se apresentou como um veterano na luta de abertura do UFC 256, se recuperando após sair atrás nos dois primeiros rounds e conquistando sua segunda vitória no Ultimate de virada, com uma chave de calcanhar, no terceiro assalto.

"Lido com cada luta como um animal próprio, um monstro próprio, porque é. É um evento muito grande, uma experiência muito grande e você precisa pensar luta a luta. Eu precisava dessa vitória, você precisa provar que merece estar aqui. É mais sobre provar a mim mesmo que pertenço aqui e voltar à coluna das vitórias, obviamente ganhar um cheque mais gordo e ter prazer em lutar novamente", disse Hooper.

Resultados oficiais

Card principal

Deiveson Figueiredo x Brandon Moreno foi declarada empate majoritário (48-47, 47-47, 47-47);

Charles do Bronx venceu Tony Ferguson por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-26);

Mackenzie Dern venceu Virna Jandiroba por decisão unânime (29-28, 29-28, 29-28);

Kevin Holland venceu Ronaldo Jacaré por nocaute técnico a 1m45s do 1º round;

Ciryl Gane venceu Júnior Cigano por nocaute técnico aos 2m34s do 2º round.

Card preliminar

Cub Swanson venceu Daniel Pineda por nocaute a 1m52s do 2º round;

Rafael Fiziev venceu Renato Moicano por nocaute técnico aos 4m05s do 1º round;

Gavin Tucker venceu Billy Quarantillo por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27);

Tecia Torres venceu Sam Hughes por nocaute técnico ao final do 1º round;

Chase Hooper venceu Peter Barrett por finalização (chave de calcanhar) aos 3m02s do 3º round.

Assine o Combate | Siga o UFC Brasil no Youtube